i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Socorro

Irlanda vai receber 85 bilhões de euros

  • PorFolhapress
  • 28/11/2010 21:02

São Paulo - A União Europeia (UE) aprovou ontem um pacote de ajuda para a Irlanda no valor de 85 bilhões de euros (cerca de R$ 197 bilhões), além de estender o fundo para resgatar países endividados do bloco após 2013. Com o auxílio financeiro, a UE espera reduzir o risco de contágio da crise irlandesa para outros países do bloco, especialmente Portugal e Espanha, alvos de incertezas dos investidores nas últimas semanas em razão de seus déficits e dívidas elevados.

Do valor total do pacote, 17,5 bilhões de euros devem provir de um fundo de pensão irlandês. O Fundo Monetário Internacional (FMI) participará com 22,5 bilhões de euros. A Irlanda pagará pela ajuda 5,8% de juros, segundo o premiê do país, Brian Cowen. A taxa é superior aos 5,2% acertados com a Grécia, primeiro país da União Europeia a receber pacote, no início do ano.

O governo da Irlanda anunciou em 24 de novembro um pacote de austeridade para os próximos quatro anos. A ideia é convencer o mundo de que irá mesmo atacar seu déficit público – que deve fechar em 9,3% do PIB neste ano – e honrar as dívidas. O pacote é também uma exigência do FMI e da União Europeia para conceder um empréstimo de até 90 bilhões (cerca de R$ 232 bilhões) para o país organizar seu caixa.

Para o irlandês, serão quatro anos difíceis. O governo vai cortar 24.750 pessoas do serviço público (7% do total), reduzir o salário mínimo e aumentar a idade mínima para a aposentadoria. Além disso, vai aumentar o imposto sobre o consumo, criar um novo sobre os imóveis e cobrar imposto de renda de mais pessoas. Também haverá cortes de benefícios e de gastos com saúde e educação.

Na última terça-feira, a agência de avaliação de risco financeiro Standard and Poor’s reduziu em um ponto a nota da dívida da Irlanda, de AA- para A, diante da possibilidade do governo irlandês pedir um empréstimo maior que o estimado.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.