O Banco Itaú anunciou resultado recorde no primeiro semestre de R$ 2,958 bilhões, o maior lucro da história dos bancos de capital aberto no Brasil, segundo cálculo da consultoria Economática com base em dados ajustados pela inflação.

O resultado indica que a queda da taxa básica de juros - iniciada no ano passado - ainda não está afetando os ganhos dos maiores bancos do país.

O Itau Holding Financeira, segundo maior conglomerado financeiro privado do país, informou que obteve lucro de R$ 1,498 bilhão no segundo trimestre, um resultado 12,4% maior que o obtido no mesmo período de 2005.

No acumulado do primeiro semestre, o resultado de R$ 2,9 bilhões foi 19,5% maior que os R$ 2,475 bilhões obtidos na primeira metade do ano passado. O resultado veio em linha com projeções de analistas que apontavam lucro ao redor de R$ 1,5 bilhão.

A margem financeira cresceu 18,6%, na comparação com o segundo trimestre de 2005, para R$ 3,920 bilhões. Menor, porém, que os R$ 4,087 bilhões obtidos no primeiro trimestre deste ano.

O resultado bruto da intermediação financeira entre abril e junho deste ano foi de R$ 2,694 bilhões, 4,26% inferior à obtida há um ano.

O retorno sobre o patrimônio líquido médio (ROE) do grupo foi de 35,1%, contra 36% no mesmo período de 2005.

A carteira de crédito alcançou saldo de R$ 67,383 bilhões em 30 de junho deste ano, com avanço de 0,7% em relação ao final de março e de 5,3%, na comparação com o final da primeira metade de 2005.

Sobre o estoque atual, o índice de inadimplência foi a 5,1%, contra 4,4% do primeiro trimestre e 4% no segundo trimestre do ano passado.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]