O presidente da Bolívia, Evo Morales, disse em entrevista exclusiva à GloboNews TV que o preço do gás vendido ao Brasil vai subir, mas de forma negociada. Morales garantiu o fornecimento do combustível.

- Não estamos expulsando a Petrobras, mas a Petrobras não ganhará tanto quanto antes ganhava - afirmou.

Segundo ele, se a Petrobras quer ajudar a Bolívia é preciso não apenas fazer colaborações, mas também ajudar com preços. A íntegra da entrevista será divulgada no Jornal das 10, da GloboNews.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]