i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Bateria

Este celular faz ligações sem precisar de bateria

Com um consumo energético baixíssimo, o protótipo é capaz de fazer ligações usando energia do ambiente e com o auxílio de antenas próximas

  • PorDa redação, com
  • Infomoney
  • 12/07/2017 10:44
O protótipo de celular que funciona sem bateria | Universidade de WashingtonReprodução
O protótipo de celular que funciona sem bateria| Foto: Universidade de WashingtonReprodução

Pesquisadores da Universidade de Washington desenvolveram recentemente um celular que não precisa de bateria para funcionar. Isso porque o aparelho dispensa a energia utilizada em processo de conversão de sinais analógicos que transmitem áudio em dados digitais.

A partir de uma célula solar, o aparelho se comunica com estações a 15 metros de distância ou sinais de rádio a 9 metros. Dessa forma, o consumo de energia do celular fica em 3,5 microwatts.

“Para chegar a um consumo de energia verdadeiramente baixo, do qual você necessita para obter um telefone através de energia do ambiente, tivemos que fundamentalmente repensar a forma como esses dispositivos são desenhados”, disse o co-autor Shyam Gollakota ao blog da universidade.

Funcionamento

Os cientistas da computação e engenheiros eletricistas envolvidos no projeto eliminaram um dos aspectos que mais consomem energia em transmissões feitas por celulares modernos: a conversão de sinais analógicos que emitem o som em dados digitais, formato que os atuais celulares conseguem entender.

Em vez disso, o celular sem bateria se aproveita de pequenas vibrações no microfone e no alto-falante que acontecem quando uma pessoa fala ou ouve um interlocutor durante uma chamada. Uma antena, conectada a esses componentes, converte o movimento em alterações no sinal padrão de rádio analógico, emitido por uma estação rádio base. O processo, explica Gollakota, basicamente codifica padrões de fala em sinais de rádio refletidos, de uma maneira que consome pouquíssima energia.

Em testes, os pesquisadores conseguiram realizar ligações via Skype usando uma estação de rádio personalizada, mas o mesmo poderia ter sido feito via rede celular comum ou Wi-Fi. A ideia é que a rede já existente ao redor do mundo seja o suficiente para permitir o funcionamento do aparelho.

Futuro

Agora, os pesquisadores planejam estender o alcance da área de funcionamento da tecnologia e a criptografar as ligações, para evitar que intrusos as ouçam. A equipe também trabalha em viabilizar a transmissão de vídeos através de dispositivos livres de bateria e a incluir uma tela nesse protótipo funciona. Porém, não se anime: pelo menos num primeiro momento, ela usará a tecnologia e-ink, a mesma usada por leitores de livros digitais como o Kindle.

Confira o vídeo da chamada feita com o telefone sem bateria:

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.