i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Pedidos de demissão

Equipe de Paulo Guedes perde mais dois secretários: “hoje houve uma debandada”

    • Gazeta do Povo, com agências
    • 11/08/2020 19:38
    • Atualizado em 12/08/2020 às 16:57
    Secretários da Economia pedem demissão
    Secretários da Economia Paulo Uebel e Salim Mattar (foto) pediram demissão nesta terça-feira (11)| Foto: José Cruz/Agência Brasil

    Os secretários especiais do Ministério da Economia Salim Mattar (Desestatização e Privatização) e Paulo Uebel (Desburocratização, Gestão e Governo Digital) pediram demissão dos cargos nesta terça-feira (11). A informação foi confirmada pelo ministro Paulo Guedes durante entrevista coletiva após reunião com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

    Segundo Guedes, Salim deixa o governo por insatisfação com o ritmo das privatizações no governo. "O que ele me disse é que é muito difícil privatizar, que o establishment não deixa a privatização, que é tudo muito difícil, tudo muito emperrado", disse o ministro.

    Já Uebel pediu demissão por discordar da estratégia do governo federal de adiar a discussão da reforma administrativa, que faz uma reformulação do RH do Estado, para 2021. Guedes disse que o "timing" da reforma, engavetada pelo presidente Jair Bolsonaro por mexer com o funcionalismo público, é "político". "A reforma administrativa está parada. Então, ele [Uebel] reclama que a reforma administrativa parou. A transformação do Estado tem várias dimensões", afirmou Guedes.

    "Hoje houve uma debandada", disse o ministro da Economia. Com as saídas deles, já são dez o número de membros diretos da equipe econômica que saíram desde que Guedes tomou posse — cinco deles nos últimos 30 dias.

    Em julho, Mansueto Almeida já havia deixado o Tesouro Nacional; em seguida foi a vez de Caio Megale deixar a diretoria de programas da Secretaria Especial da Fazenda; e mais recentemente Rubem Novaes anunciou que deixará a presidência do Banco do Brasil. Os três alegaram razões pessoais para deixar o governo.

    Segundo o ministro Guedes, apesar das demissões, o governo vai "avançar com as reformas". "Nossa reação à debandada que ocorreu hoje vai ser avançar com as reformas", afirmou.

    Relembre outra baixas na equipe de Paulo Guedes

    Caio Megale

    Nome mais recente a pedir demissão do Ministério da Economia, o diretor de Programas da Secretaria Especial de Fazenda, Caio Megale, deixará a equipe do ministro Paulo Guedes no início de agosto. Pesou na decisão o desejo de voltar para São Paulo para ficar próximo da família e de retornar à iniciativa privada.

    Megale foi secretário de Fazenda na capital paulista no início da gestão de Bruno Covas (PSDB) e economista do Banco Itaú por seis anos. Estava no Ministério da Economia desde 2019, onde ocupou três posições: secretário de Desenvolvimento da Indústria, Comércio, Serviços e Inovação; assessor especial do ministro Paulo Guedes; e diretor de Programas da área de Fazenda. Ele também esteve cotado para assumir o Tesouro Nacional e a secretaria especial de Produtividade, Emprego e Competitividade.

    Rubem Novaes

    Dois dias antes da saída de Megale, foi Rubem Novaes quem anunciou o pedido de demissão do cargo de presidente do Banco do Brasil (BB). A decisão estava tomada desde maio e foi ratificada na última sexta-feira (24), em comunicado ao mercado. Novaes deixará o BB em agosto, em data ainda a ser definida.

    Ele também deixou o banco por razões pessoais e por não se adaptar “à cultura de compadrio em Brasília”, segundo relatou à rede de TV CNN. Oficialmente, ele informou ao mercado que deixou o posto porque entende que a companhia precisa de renovação para "enfrentar os momentos futuros de muitas inovações no sistema bancário".

    Novaes tem 74 anos e é amigo de longa data de Paulo Guedes. Os dois estudaram na Universidade de Chicago, berço do liberalismo econômico. O economista estava na presidência do BB desde janeiro de 2019 e desejava privatizar o banco, sonho que foi barrado pelo presidente Jair Bolsonaro. Ele deve seguir colaborando com a equipe econômica como assessor do ministro no Rio de Janeiro.

    Mansueto Almeida

    No dia 15 de julho, Mansueto Almeida deixou o cargo de secretário do Tesouro. Foi o primeiro grande pedido de demissão da equipe econômica montada pelo ministro Paulo Guedes.

    Assim como Megale e Novaes, Mansueto pediu para sair por razões pessoais. Ele alegou que a ideia era ficar somente seis meses no governo Bolsonaro, mas acabou estendendo sua permanência por um ano e meio. Mansueto também se disse cansado do serviço público e ressaltou o desejo de ir para a iniciativa privada, após o período obrigatório de quarentena.

    Um dos principais economistas defensores do ajuste fiscal e do teto de gastos, Mansueto foi secretário do Tesouro no governo Temer; secretário de Acompanhamento Econômico do então ministro da Fazenda, Henrique Meirelles; e assessor econômico do senador Tasso Jereissati (PSDB-CE). Ele também é funcionário de carreira do IPEA.

    Marcos Troyjo

    Marcos Troyjo foi outro nome importante a deixar a equipe de Guedes, mas por um bom motivo. Ele foi indicado pelo governo brasileiro e depois chancelado por unanimidade pelo Conselho de Governadores para a presidência do Novo Banco de Desenvolvimento (NDB, na sigla em inglês). O banco é conhecido como "Banco do BRICS".

    O mandato de Troyjo começou em julho. O principal objetivo do NDB é apoiar projetos de infraestrutura e desenvolvimento sustentável, públicos ou privados, nos BRICS e em outras economias emergentes.

    Antes de ir para o NDB, Troyjo era secretário especial de Comércio Exterior e Assuntos Internacionais do Ministério da Economia. Ele foi um dos responsáveis por fechar o acordo entre Mercosul e União Europeia, depois de mais de 20 anos de tratativas. Troyjo é diplomata. Em seu lugar no Ministério da Economia ficou o economista Roberto Fendt.

    Alexandre Manoel

    Em março deste ano, Alexandre Manoel deixou, por decisão própria, o cargo de Secretário de Avaliação, Planejamento, Energia e Loteria (Secap) da Secretaria Especial de Fazenda do Ministério da Economia. A Secap é a responsável por avaliar políticas públicas e tributárias do governo federal.

    Manoel estava no cargo desde 2018. Dois anos antes, trabalhou com Mansueto Almeida no Tesouro Nacional. Ele resolveu deixar o governo também por razões pessoais. É economista do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea).

    Rogério Marinho

    Em fevereiro, foi a vez de Rogério Marinho sair da equipe de Guedes. Ele foi promovido de secretário especial de Previdência e Trabalho para ministro do Desenvolvimento Regional, pasta que toca políticas públicas de saneamento, habitação e mobilidade, e é responsável pelo programa Minha Casa Minha Vida (MCMV) e pela Defesa Civil. A promoção foi uma decisão do presidente Jair Bolsonaro em comum acordo com Guedes.

    Marinho se destacou na equipe econômica ao liderar a reforma da Previdência do governo Bolsonaro, aprovada em outubro do ano passado. Constantemente, seu nome era ventilado para ocupar alguma posição de ministro. Antes, Marinho foi deputado federal pelo Rio Grande do Norte por três mandatos. Ele foi o relator da reforma trabalhista do governo Temer.

    Marcos Cintra

    Foi o primeiro secretário especial da Receita Federal do governo Bolsonaro. Ele foi demitido pelo presidente após defender a criação de um imposto sobre movimentações financeiras, nos moldes da antiga CPMF. A demissão aconteceu em setembro de 2019.

    Cintra foi trazido por Guedes para a equipe econômica para liderar a reforma tributária. Em seu lugar, assumiu José Barroso Tostes Neto, que antes era especialista líder em Gestão Fiscal e Municipal do BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento). Guedes também chamou a tributarista Vanessa Canado para liderar, ao lado de Tostes, as discussões sobre a reforma tributária.

    Joaquim Levy

    Foi o primeiro grande nome da equipe econômica a deixar o governo Bolsonaro. Ele era presidente do BNDES e teve de pedir demissão após ser "fritado" publicamente pelo presidente.

    Levy foi alvo de críticas de Bolsonaro por ter nomeado o advogado Marcos Barbosa Pinto para o cargo de diretor de Mercado de Capitais do banco de fomento. Pinto foi assessor do BNDES durante o governo Lula, do PT, de 2005 a 2007 – o que irritou Bolsonaro.

    Além da nomeação de Pinto, Bolsonaro estava irritado com a demora para abrir a chamada “caixa-preta” do BNDES, uma promessa de campanha do presidente para trazer luz a supostos empréstimos ilegais ou imorais feitos durante os governos petistas.

    Antes de assumir o BNDES, Levy foi ministro da Fazenda de Dilma Rousseff. Gustavo Montezano assumiu a presidência do banco de desenvolvimento.

    28 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
    Use este espaço apenas para a comunicação de erros
    Máximo de 700 caracteres [0]

    Receba Nossas Notícias

    Receba nossas newsletters

    Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

    Receba nossas notícias no celular

    WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

    Comentários [ 28 ]

    Máximo 700 caracteres [0]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

    • T

      Thinker

      ± 0 minutos

      O sujeito pede pra sair e diz que tá tudo certo. Será verdade? Então por que saiu tanta gente do barco? Porque o Ministério falou em debandada? O Governo mudou o rumo liberal para o rumo Centrão! Só cego não vê. Quer acabar com a lava jato e abraçar as políticas populistas de gastança e distribuição de cargos para os partidos do Centrão.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • R

      Ricardo Munhozdarocha Guimarães

      ± 3 dias

      O ministro tem a mente cristalina, tem muita propriedade em falar em tempo e diferentes dimensões, a política é o jogo mais difícil de ser jogado e não é para qualquer um. Enquanto isso ficam ouriçados e excitados a fracassada torcida organizada do ocaso, comemorando números do Covid e dançando sobre cadáveres, comentando com seus dedinhos venenosos.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • E

      Eden Lopes Feldman

      ± 3 dias

      Infelizmente a governabilidade de Bolsonaro encerrou com a pressão do congresso e do STF. Com todo o apoio da imprensa esquerdista. Ele sabe que não pode tomar medidas de modernização do estado que receberá o impeachment. Tudo que podemos fazer é nas eleições municipais votarmos em candidatos da direita e nas próximas eleições do congresso renovarmos. E com a reeleição de Bolsonaro, poderemos ter uma esperança de termos a privatização e a modernização com apoio de um congresso de direita. Eleito por brasileiros direitos.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • A

      AMAURI

      ± 3 dias

      E ôôô vida de "gado". Cadê o "gado"? Se abateu, antes de ser abatido? Bozo e cloroquina neles !!!

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • J

      JP

      ± 3 dias

      É a agenda do centrão destruindo tudo. Bolsonaro vendeu a alma para os piores mercenarios da política brasileira e agora tem que pagar o preço. O diabo exige o sangue. Virou o mais perfeito estelionato eleitoral. Os estatizantes comemoram, o empreguismo comemora. Bolsonaro segue os passos do Lularapio e se enturma com os porcos do estado.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • L

      Luiz

      ± 3 dias

      Serão esses os reais motivos pelos quais se demitiram os secretários ??????? Ou a causa foi o próprio ministro, espertalhão, que quer tampar o rombo nas finanças do país, às custas do dinheiro do povo ??????

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • E

      eduardo pontes de andrade

      ± 3 dias

      É muito difícil fazer as mudanças necessárias quando se tem todo o establishment,mídia,esquerdistas ,torcendo contra e sabotando.Tem que ser gradual.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • W

      Walter

      ± 3 dias

      A bandidagem (CN e STF) está ganhando terreno, infelizmente, e, pior que isso, brasileiros torcendo pelo quanto pior, melhor. Perdemos todos. A seguir essa trajetória, educação, saúde, emprego e segurança pública continuarão definhando. Eleições estão chegando. Oportunidade para tentar reverter essa trajetória. Somos tão responsáveis pelo Brasil, como qualquer governante!

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • F

      FB

      ± 3 dias

      E assim, a última promessa de campanha de Bolsonaro ainda em pé vai pro lixo. Votei na direita e recebi um PETISTA. Pois é isso que Bolsonaro é, um PETISTA. Agora é questão de tempo para começar estourar escândalo de corrupção, abraçado com o centrão. Lembre-se que o Escândalo dos Correios que escancarou as entranhas do governo Lula também foi no segundo ano de governo dele, antes disso o PT ainda pagava de vestal pura da política.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • A

      ALCIONE PRA

      ± 3 dias

      O MOTIVO DA DEBANDADA É TER QUE SE SUJEITAR AO MAIOR DE TODOS OS PARASITAS, BO PRÓPRIO GUEDES. VELHO ********, ********* DE MARCA MAIOR, VELHO BURRO RETARDADO!

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • C

      carlos

      ± 3 dias

      Maldito seja bolsonaro

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • S

      Sr. Walker

      ± 3 dias

      Reflexo não do chefinho que é o postinho ipiranga de brinquedo, mas do chefe do chefe: o psicopata.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • A

      Afro marcondes dos Santos junior

      ± 3 dias

      Que o ministro Guedes tenha a fibra etomago e os nervos de aço que tem faltado a alguns para essa tarefa muito mais do q técnica; força ministro! O Brasil precisa de vc e de homens como vc

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • M

      Marcos Aurélio da Rocha

      ± 3 dias

      Uma lástima. O ministério da economia está perdendo gente fundamental para uma mudança do Brasil. Temo que o governo atrase de tal forma as reformas que indiretamente abrace o Keneysianismo. No final o governo não será lembrado como um governo liberal.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • A

      Arthur Ant

      ± 4 dias

      Lamentavelmente, hoje começa a contagem regressiva de Guedes. Nem sei o que dizer. Mais uma derrota do povo brasileiro, desta vez com o patrocínio de Bolsonaro, que só pensa nos filhos.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • C

      CSG

      ± 4 dias

      Deu na Folha de São Paulo é no Globo. Foi o Temer que pediu esses cargos.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • J

      Jorge Okamoto

      ± 4 dias

      40 anos de esquerda, trairas de governadores e congressistas, STF, presidentes do senado e câmara do Sistema e Narco-Comunistas, esperar OQuê? Já separamos bem o joio do trigo, cabe ao cidadão escolher melhor em 2022. A mudança, pra consertar, vai acontecendo nos próximos 20 anos, se continuarmos firmes nas redes, e elegeremos melhor. Até 2040.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      4 Respostas
      • D

        D. Garcia.

        ± 3 dias

        LEONARDO: ainnn., meu presidente sendo ameaçado..... Vai lavar essa cara rapaz!! Deixa de ser puxa sa....

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

      • F

        Freitas

        ± 3 dias

        LEONARDO: O "REI DAS RACHADINHAS", com boas intenções?. O deputado federal que "dormiu "28 anos no Congresso, mamando nas tetas da União? O deputado federal que pagou, com os nossos impostos, Nathália Queiroz, a filha do FAMIGERADO QUEIROZ? Uma personal trainning que ainda recebeu durante 10 anos no gabinete de Flávio? Nathália nem sabe o que é um gabinete parlamentar. Você é "tapado", Leonardo?

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

      • L

        LEONARDO

        ± 3 dias

        Freitas, teu país é tão miserável que um presidente que se elege com as melhores da intenções tem que recorrer a setores atrasados como o CENTRÃO para poder se manter no cargo, pois se ele não fizesse isso, a imprensa, o STF e parte do congresso derrubaria ele sem motivo justificável. Atualmente quem não vale nada nesse país é os ministros de STF e parte do congresso. Tu tá criticando o presidente se fazendo de bobo para dizer que ele está sendo ameaçado só porque não libera recursos para a corrupção.

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

      • F

        Freitas

        ± 4 dias

        Traíra é quem se uniu ao CENTRÃO, logo após uma campanha presidencial em que JUROU que iria combater os corruptos.

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • G

      Giovanni Rosa da Silva

      ± 4 dias

      Mas o Bolsonaro não ia mudar tudo que estava ai? Qua qua qua. Mais um estelionato eleitoral, assim como os petistas, mentiu pra se eleger e corrompe para se manter.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • F

      Freitas

      ± 4 dias

      “Duas falas simbólicas: na primeira, ainda durante a campanha, Bolsonaro ataca Temer por distribuir cargos e emendas para tentar aprovar a reforma da Previdência.“Tome vergonha na cara, corta a cabeça dessa galera que está aí. Acabe com as indicações políticas. As indicações políticas é que mergulham o governo na corrupção e na ineficiência. Acabe com isso. Tenha coragem, pô, seja homem!” Na segunda, ele comenta a prisão do ex-presidente pela Lava Jato do Rio, em maio de 2019. “O que levou a isso é aquela velha história de Executivo muito afinado com o Legislativo, onde a governabilidade vem em troca de cargos, são ministérios, estatais, bancos oficiais. E levam a situações como essa daí.”

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • M

      Momento Fletor

      ± 4 dias

      Eta governinho palha...!

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • C

      Cogito ergo sum

      ± 4 dias

      Acho que pode ser o centrão sim. Mas, sem o centrão não haveria qualquer governo, razoávelmente apoiado , pra governar. Não existe governo, seja ele qual for, democrático, ditadura, esquerda, direita, centro, lateral, ponta, etc., sem um grupo de apoio. Ao líder, cabe dosar as exigências e comportamento do grupo de apoio. É assim que governos funcionam. Até aparecer uma fórmula mágica, diferente e revolucionária, é o que temos. Segue o baile.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      1 Respostas
      • F

        Freitas

        ± 4 dias

        “Duas falas simbólicas: na primeira, ainda durante a campanha, Bolsonaro ataca Temer por distribuir cargos e emendas para tentar aprovar a reforma da Previdência.“Tome vergonha na cara, corta a cabeça dessa galera que está aí. Acabe com as indicações políticas. As indicações políticas é que mergulham o governo na corrupção e na ineficiência. Acabe com isso. Tenha coragem, pô, seja homem!” Na segunda, ele comenta a prisão do ex-presidente pela Lava Jato do Rio, em maio de 2019. “O que levou a isso é aquela velha história de Executivo muito afinado com o Legislativo, onde a governabilidade vem em troca de cargos, são ministérios, estatais, bancos oficiais. E levam a situações como essa daí.”

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • F

      Freitas

      ± 4 dias

      CENTRÃO, CENTRÃO, CENTRÃO. O Centrão dominou as estatais. Não tem mais o que privatizar. O CENTRÃO DEIXOU ESSE GOVERNO DE QUATRO.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      1 Respostas
      • F

        Freitas

        ± 4 dias

        “Duas falas simbólicas: na primeira, ainda durante a campanha, Bolsonaro ataca Temer por distribuir cargos e emendas para tentar aprovar a reforma da Previdência.“Tome vergonha na cara, corta a cabeça dessa galera que está aí. Acabe com as indicações políticas. As indicações políticas é que mergulham o governo na corrupção e na ineficiência. Acabe com isso. Tenha coragem, pô, seja homem!” Na segunda, ele comenta a prisão do ex-presidente pela Lava Jato do Rio, em maio de 2019. “O que levou a isso é aquela velha história de Executivo muito afinado com o Legislativo, onde a governabilidade vem em troca de cargos, são ministérios, estatais, bancos oficiais. E levam a situações como essa daí.”

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]