Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

O Brasil está pronto para fazer concessões nas tarifas industriais desde que os Estados Unidos e a União Européia façam o mesmo com a agricultura, disse o ministro da Fazenda Antonio Palocci neste sábado, em Londres.

- O Brasil está pronto para mudar sua posição sobre as tarifas industriais desde que os Estados Unidos e a União Européia mudem também na agricultura - afirmou, após encontro com o ministro britânico Gordon Brown.

Segundo Palocci, as propostas dos países desenvolvidos para resolver o impasse nas negociações de comércio não são suficientes.

- Neste momento, as propostas para agricultura sao claramente insuficientes - disse Palocci a jornalistas internacionais após o encontro.

Ele acrescentou que gostaria de abrir o setor de resseguros do Brasil para concorrência estrangeira.

- O setor de resseguros no Brasil é bastante protegido - afirmou Palocci depois da reunião com Brown.

Brown informou que a Índia também disse na reunião do G7 - grupo dos sete países mais industrializados do mundo - que estava pronta para fazer algumas concessões na área de serviços. Já a China pedia propostas para avançar nas negociações de comércio mundial antes do encontro de 148 países em Hong Kong, daqui a duas semanas.

- Nós mostramos que o mundo quer que as negociações de comércio em Hong Kong tenham uma conclusão bem-sucedida - disse o ministro britânico Brown.

Londres e Washington esperam que o encontro britânico do G7 dê um novo fôlego para as negociações sobre a liberalização do comércio antes do encontro em Hong Kong.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]