Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

Uma proposta do governo deve reduzir os impostos de vários materiais de construção. A informação foi dada pelo ministro do Planejamento, Orçamento de Gestão, Paulo Bernardo. Ele afirmou que, com a cesta de material de construção, o PIS, a Cofins e, talvez, o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) seriam mais baixos e, com isso, o preço para o consumidor seria menor.

- Seria uma cesta de produtos para ser vendida no comércio e beneficiar a atividade da construção para as pessoas. A idéia é diminuir o tributo e, com isso, facilitar a diminuição dos preços - explicou o ministro.

Uma nova versão da Medida Provisória 252, a chamada MP do Bem, está em discussão no governo. Segundo ele, há a possibilidade de o texto ser inserido na MP 255 ou na 258.

- O importante é que o governo planejou, fez a proposta, os líderes do Congresso são favoráveis e há uma reivindicação na sociedade. Não tem porque nós não chegarmos a um acordo. A MP do Bem 2 vai sair - disse.

A MP 252, que desonera tributos em vários setores da economia, perdeu a validade de votação no Congresso Nacional no dia 13 de outubro. O ministro Paulo Bernardo, no entanto, disse que o governo reafirmou sua disposição de retomar o debate sobre a proposta.

"Achamos que isso é extremamente importante para melhorar não só o nível de atividade econômica mas o nível de vida das pessoas", disse.

Ele participou hoje do 3º Encontro Nacional de Dirigentes do Sistema de Pessoal Civil (Sipec) da Administração Pública Federal em Brasília.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]