Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

Um relatório divulgado nesta semana mostra que os bilionários não foram afetados pela crise causada pela pandemia do novo coronavírus. Na verdade, ficaram ainda mais ricos.

Mas quem ganha dinheiro com a crise da Covid-19? Entenda com a gente em um minuto.

O levantamento foi feito pela ONG Oxfam e usa os números da revista Forbes, que ranqueia as fortunas de todo o mundo.

Só no Brasil, um grupo de 42 bilionários teve um aumento de patrimônio de US$ 34 bilhões entre os meses de março e junho deste ano. Isso equivale a R$ 177 bilhões.

Segundo a ONG, isso revela como o coronavírus não afeta a todos de maneira igual e que, enquanto a maior parte da população brasileira segue enfrentando os efeitos da crise, tem quem ganha dinheiro com o coronavírus e fica ainda mais rico com toda essa situação.

Só que esse fenômeno não foi exclusivo do Brasil. O relatório mostra dados de toda a América Latina. Além disso, há casos de enriquecimento vindo de outros países.

Entre os latinos-americanos e Caribe, 73 bilionários aumentaram suas fortunas em US$ 48,2 bilhões (R$ 250 bilhões) entre março e junho deste ano.

Um dos exemplos globais mais marcantes disso é o de Jeff Bezos, fundador da Amazon. Em 2020, sua fortuna saltou de US$ 74 bilhões para quase US$ 190 bilhões.

Ele chegou a ganhar US$ 13 bilhões em um só dia – um recorde individual desde que o índice de bilionários da Bloomberg foi criado, em 2012. Segundo a Bloomberg, isso aconteceu porque nesta segunda-feira (20) as ações da Amazon subiram 7,9%, a maior alta desde dezembro de 2018, motivada pelo crescente otimismo sobre as compras online em meio à pandemia.

Conteúdo editado por:Rodrigo Fernandes
Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]