i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Fisco

Receita Federal pega 1,3 mi de contribuintes na malha fina do IR

Contribuintes devem regularizar suas pendências com o fisco retificando as declarações do IR

  • PorFolhapress
  • 28/06/2013 17:17

Os contribuintes que caíram na malha fina da Receita Federal neste ano (1,32 milhão no país poderão regularizar suas pendências com o fisco retificando as declarações do IR - caso ainda não tenham tomado essa providência até agora.

A malha fina é a checagem eletrônica das informações prestadas pelos contribuintes. Ao fazer isso, o fisco confronta as informações contidas nas declarações com aquelas armazenadas nos seus computadores -são os dados recebidos de empresas, de clínicas médicas, de hospitais, de imobiliárias etc.

Quando esses dados não coincidem, a declaração fica retida para uma verificação mais detalhada.

Na maioria dos casos, não é complicado escapar da malha fina -a Receita define esse processo como autorregularização, ou seja, o contribuinte corrige os dados antes de ser notificado pela Receita.

Se a declaração tiver informações incorretas ou incompletas, o contribuinte deve providenciar a retificação, enviando uma retificadora. Basta abrir a declaração já entregue e corrigir os eventuais erros. Nesse caso, é preciso informar duas coisas: que a declaração é retificadora e indicar o número do recibo de entrega da que já foi enviada neste ano. Mas é preciso atentar para um detalhe: não é possível retificar a declaração após ser notificado pela Receita. Portanto, quanto antes o contribuinte providenciar a correção, melhor para ele.

Problemas Comuns

Costumam ficar retidas as declarações que têm divergências de dados. A mais comum é a omissão de rendimentos, ou seja, o contribuinte deixa de declarar alguma fonte de renda (dele ou de dependentes), como um segundo emprego, aluguel, aposentadoria etc.

O segundo problema mais comum é a divergência em valores referentes a abatimentos, principalmente despesas médicas -caso em que o contribuinte costuma lançar um valor maior do que o indicado no recibo. Quando os dados são confrontados, a declaração fica retida.Ao permitir que o contribuinte regularize sua situação, a Receita visa evitar que ele tenha de ir a uma unidade do órgão. Ou seja, ganham o contribuinte e o fisco.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.