A utilização da capacidade instalada, as vendas reais e as horas trabalhadas tiveram redução em novembro de 2013, apontando um menor ritmo da atividade industrial naquele mês. Segundo os dados divulgados nesta sexta-feira, 17, pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), o nível de utilizada do parque fabril ficou em 82,0% em novembro, ante 82,2% em outubro do ano passado. O indicador também ficou abaixo de novembro de 2012, quando estava em 82,4%.

As vendas reais, que medem o faturamento da indústria, caíram 1,8% ante outubro, pelos dados dessazonalizados, e recuaram 1,7% ante novembro de 2012. Ainda assim, no acumulado de janeiro a novembro de 2013, as vendas reais apresentam crescimento de 4% em relação a igual período do ano anterior.

As horas trabalhadas diminuíram 0,6% em novembro ante outubro e -1,3% em relação a novembro de 2012. No acumulado de janeiro a novembro de 2013, se mantêm praticamente estáveis, com uma alta de 0,1% ante o período de janeiro a novembro de 2012.

Por outro lado, o mercado de trabalho na indústria ainda apresenta resultados positivos. O emprego no setor aumentou 0,1% em novembro na comparação com outubro de 2013, e +1,1% ante novembro de 2012. No acumulado de janeiro a novembro de 2013, a alta é de 0,7%.

A massa salarial real na indústria subiu 0,8% em novembro ante o mês anterior, e avançou 2,5% na comparação com novembro de 2012. No acumulado de 2013 até novembro, o crescimento foi de 2% em relação ao mesmo período do ano anterior.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]