i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
EMPREGO

Volkswagen prorroga redução de jornada e salário no Paraná

    • Da Redação, com Estadão Conteúdo Web
    • 13/06/2016 19:23
    Quase 2,8 mil funcionários da montadora no estado estão no PPE desde dezembro de 2015. | Ivonaldo Alexandre/Gazeta do Povo
    Quase 2,8 mil funcionários da montadora no estado estão no PPE desde dezembro de 2015.| Foto: Ivonaldo Alexandre/Gazeta do Povo

    A fábrica da Volkswagen em São José dos Pinhais está entre as empresas que prorrogaram sua adesão ao Programa de Proteção ao Emprego (PPE). Ao todo, 2.757 trabalhadores da empresa estão com trabalhando com jornada e salários reduzidos desde o início de dezembro de 2015.

    O Ministério do Trabalho informou nesta segunda-feira (13) que prorrogou 23 adesões ao Programa de Proteção ao Emprego (PPE). Segundo o ministério, 13 empresas fizeram 36 solicitações de prorrogação, das quais 23 já foram autorizadas – seis empresas do setor automotivo, cinco do setor fabril e duas do setor metalúrgico.

    Consumidores “brigam” por roupas de inverno em Curitiba

    Cliente comparou disputa por peças na Decathlon a “supermercado venezuelano”. Na Acampar, vendas cresceram 30%

    Leia a matéria completa

    Entre os grupos que tiveram a prorrogação autorizada estão a Rassini NHK Peças, a Grammer do Brasil e a Mercedes Benz, que estão entre os primeiros a solicitar a adesão ao PPE, em agosto do ano passado.

    Também foram atendidos os pedidos de prorrogação das fábricas da Volkswagen em São Bernardo do Campo, São Carlos e Taubaté, em São Paulo, além da unidade no Paraná.

    De acordo com a pasta, desde a implantação do PPE, em julho de 2015, o setor fabril concentra o maior número de solicitações de adesão, com 72 pedidos, seguido do automobilístico, com 26.

    Ao todo, 151 empresas solicitaram a adesão ao PPE. Dessas, 111 tiveram o termo de adesão ao programa confirmado e outras 40 estão em análise.

    “Já são 55.995 trabalhadores que tiveram seus empregos preservados pelo programa, um investimento de R$ 153,3 milhões em recursos do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT)”, informa o ministério em nota. “Se todas conseguirem obter o termo, o total de recursos alcançará R$ 160,4 milhões e 60.018 trabalhadores”, acrescenta.

    A adesão ao programa permite às empresas reduzir a jornada de trabalho dos funcionários em até 30%, com uma complementação de 50% da perda salarial pelo FAT, limitada a 65% do maior benefício do seguro-desemprego. A empresa mantém o recolhimento dos encargos sociais, impostos e FGTS.

    O Ministério do Trabalho explica que, para solicitar a renovação do programa, as empresas devem respeitar o período de vigência do acordo coletivo com os trabalhadores. O prazo de adesão ao PPE vai até o fim deste ano, e as empresas podem participar do programa por um prazo de seis a 12 meses.

    Deixe sua opinião
    Use este espaço apenas para a comunicação de erros
    Máximo de 700 caracteres [0]

    Receba Nossas Notícias

    Receba nossas newsletters

    Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

    Receba nossas notícias no celular

    WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

    Comentários [ 0 ]

    Máximo 700 caracteres [0]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.