i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Sem aula desde março

Prejuízo à vista: 5 consequências da suspensão prolongada das aulas presenciais

  • Por Gabriel Rodrigo Sestrem
  • 12/10/2020 21:57
Suspensão das aulas presenciais nas escolas brasileiras se aproxima dos sete meses
Suspensão das aulas presenciais nas escolas brasileiras se aproxima dos sete meses| Foto: Albari Rosa | Gazeta do Povo

No Brasil, a suspensão das aulas presenciais já se aproxima dos sete meses, e grande parte das escolas do país deve permanecer mais tempo sem atividades. Com exceção do Amazonas – primeiro estado a retomar as aulas presenciais após a quarentena – e de alguns outros estados, como São Paulo e Rio Grande do Sul, que já deram início ao retorno gradual, a maioria das unidades federativas segue sem previsão de retorno ou em meio a reviravoltas judiciais que ora autorizam, ora proíbem a retomada.

Embora sejam exceções, há casos pontuais de escolas particulares que conseguiram autorização na Justiça para poder retomar as atividades. Mas, no sistema público de ensino, esse retorno deve demorar mais. As aulas presenciais nas escolas estaduais do Rio Grande do Norte e nas instituições distritais do Distrito Federal, por exemplo, só retornarão em 2021. Já no Acre, tanto escolas particulares quanto públicas não retornarão neste ano.

O tempo prolongado sem aulas presenciais é responsável por inúmeras consequências socioeconômicas, desde o impacto direto na aprendizagem de alunos que não se adaptaram ao ensino remoto ou que não dispõem de internet de qualidade e dispositivos como notebooks ou celulares para ter acesso às aulas, até a evasão escolar. Outras consequências são a sobrecarga das redes públicas de ensino decorrente da migração em massa de estudantes de escolas particulares para instituições estaduais e municipais e, com isso, a falência de escolas privadas, o que gera a demissão de profissionais de educação.

Veja abaixo o desdobramento dos principais impactos socioeconômicos em consequência da interrupção prolongada das aulas presenciais nas escolas brasileiras.

1. Impactos diretos na aprendizagem pela falta de aulas presenciais

O Brasil tem 48 milhões de estudantes somando o ensino infantil, fundamental e médio, de acordo com o Censo Escolar de 2019. Com quase um quarto da população do país em idade escolar, as consequências da suspensão das aulas atingem não somente as crianças e adolescentes de forma individual como também o desenvolvimento do país como um todo.

De acordo com um relatório divulgado pela OCDE no dia 8 de setembro, que trata dos impactos da pandemia na educação, há estimativa de queda de 1,5% no PIB mundial até o fim do século como consequência da interrupção das aulas. O documento aponta que o impacto será ainda maior em países que prolongarem o período de aulas suspensas, como é o caso do Brasil.

Enquanto o mesmo estudo verificou que os países que integram a OCDE haviam mantido as atividades escolares suspensas durante 14 semanas, as escolas brasileiras que ainda não retomaram as atividades completaram, na primeira semana de outubro, 30 semanas sem aulas presenciais.

De acordo com Cláudia Costin, diretora do Centro de Políticas Educacionais da FGV, o período sem aulas acentua a crise de aprendizagem que já era realidade no Brasil antes da pandemia. “Apesar de alguns pequenos avanços, antes da pandemia já passávamos por uma crise de aprendizagem com os estudantes brasileiros entre os 20 piores países no desempenho do PISA [Programa Internacional de Avaliação de Alunos]. Imagine o quanto isso é aprofundado com os alunos sete meses longe das escolas”, observa.

Para explicar as perdas na aprendizagem, o professor da Escola de Ciências da Saúde da PUCRS e pesquisador do Instituto do Cérebro do Rio Grande do Sul (InsCer), Augusto Buchweitz, cita o chamado Summer Slide, a perda de aprendizado, estimada em 20% a 30%, que as crianças sofrem durante as férias de verão. Essa perda, observa Buchweitz, é mais acentuada nas crianças de classes mais baixas.

“Aqui no Brasil temos muito mais do que um Summer Slide, porque a pandemia começou quando as aulas ainda estavam retornando. Alguns alunos tiveram poucas semanas de aula e as aulas pararam. É a soma das perdas com as férias do verão mais as perdas com o tempo de pandemia”, ressalta o pesquisador.

Buchweitz lembra que o prejuízo ao aprendizado é ainda mais proeminente em crianças em idade de alfabetização. “Alunos que estavam iniciando o primeiro ano do ensino fundamental iriam iniciar o processo de alfabetização, já que muitas escolas do Brasil não trabalham o letramento na pré-escola. Elas terão esse processo atrasado em um ano”, afirma.

O professor também explica que esse atraso pode impactar no desenvolvimento de habilidades fundamentais. “A probabilidade de sucesso na formação de um leitor, por exemplo, se torna maior quanto mais cedo esse processo começa. Quanto mais tarde, maior é a probabilidade de fracassar”, reforça.

2. Aumento dos níveis de desigualdade social

Os impactos na aprendizagem também são responsáveis por aumentar os índices de desigualdade social, já que alunos mais pobres têm mais dificuldades para acompanhar os conteúdos das aulas remotas – o que pode gerar uma série de complicações futuras ao longo da vida desses estudantes.

“Numa família mais rica tem internet, tem espaço, tem ajuda dos pais que estão trabalhando em casa. Em famílias pobres, a casa normalmente está lotada, tem pouco espaço, não tem internet e os pais precisam sair de casa para trabalhar", aponta Naercio Menezes Filho, professor titular de Economia do Insper.

Claudia Costin reforça elementos que prejudicam a qualidade do aprendizado dos alunos de camadas mais pobres. “Enquanto em algumas casas há livros e computadores - e até um equipamento por criança -, em outras as condições são inadequadas, sem conectividade e com os pais tendo repertório cultural muito mais restrito”, afirma. “Há, ainda, os casos de jovens que passaram a trabalhar durante a pandemia. Tudo isso pode destruir as chances de futuro desses jovens”.

3. Sem aulas presenciais, aumenta a evasão escolar

Na pesquisa “Juventudes e a pandemia do coronavírus” (junho/2020), realizada pelo Conselho Nacional da Juventude (Conjuve) em parceria com outras entidades incluindo a Unesco, concluiu-se que 28% dos estudantes brasileiros consideram não retornar à escola quando acabar o distanciamento social e 49% cogitam desistir do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

De acordo com o estudo “Consequências da Violação do Direito à Educação”, elaborado pelo Insper, que analisa os efeitos da evasão escolar, a formação incompleta decorrente da evasão escolar se traduzirá em salários mais baixos, pior qualidade de vida e maior exposição à violência, além de prejudicar a coletividade e o crescimento do país, já que esses jovens vão contribuir menos para a produtividade econômica. O estudo estima que 575 mil jovens deixarão de concluir os estudos em 2020. Sem terminar a educação básica, o relatório do Insper aponta que cada um deles deixe de ganhar, em média, R$ 372 mil ao longo da sua vida.

“Com a interrupção das aulas diminuiu o aprendizado das crianças. Muitas delas não estão conseguindo fazer as atividades online e os deveres de casa. Isso pode fazer com que elas repitam de ano mais à frente e também pode levar à evasão escolar quando chegarem no ensino médio”, insiste Menezes Filho. Segundo ele, a maior parte dos alunos que vão deixar a escola são mais velhos e já registravam baixo aprendizado.

4. Sobrecarga das redes públicas de ensino

As consequências econômicas da pandemia, como aumento do desemprego e redução de renda, fizeram com que muitas famílias retirassem seus filhos de escolas particulares e os matriculassem em escolas públicas.

Apesar de o cenário dessa migração ainda ser desconhecido em âmbito nacional - já que as redes estaduais ainda estão coletando os dados de entrada de estudantes na rede pública -, alguns estados divulgaram números dessas transferências.

No estado de São Paulo, entre abril e julho, 9.500 estudantes migraram de escolas particulares para a rede pública de ensino. O número representa um aumento de 70% se comparado ao mesmo período do ano passado.

Já no Paraná, o aumento entre maio e julho chega a 88,2%. Enquanto entre março e maio a transferência de estudantes da rede particular para a pública atingiu 7.763 alunos, em julho esse número havia subido para 13.179 estudantes, segundo dados da Secretaria de Educação do estado.

Um crescimento nas migrações pode gerar impactos nas próprias redes estaduais e municipais, já que cada estado distribui seus recursos de acordo com o número de estudantes que estão matriculados em sua rede. Essa regra é estabelecida segundo dados do Censo Escolar do ano anterior e gera um valor médio por aluno a ser gasto pelo poder público.

Ou seja, quanto mais alunos foram transferidos para o ensino público, mais estudantes dividirão a mesma quantidade de recursos. E isso pode comprometer ainda mais a qualidade da educação, especialmente em municípios com condições precárias em suas redes públicas de ensino.

5. Desemprego

O Brasil possui 1,7 milhão de pessoas empregadas na rede privada de ensino, segundo a Federação Nacional das Escolas Particulares (Fenep). Desses, 800 mil são professores - 75% dele lecionam na educação básica.

Ainda em junho, a União pelas Escolas Particulares de Pequeno e Médio Porte divulgou um levantamento feito com 400 escolas particulares em 83 cidades brasileiras e mostrou que aproximadamente 50% delas podem sofrer colapso financeiro até o fim deste ano.

“O impacto maior foi na educação infantil. Temos estimativa de 3 a 4 mil escolas que já fecharam ou estão prestes a fechar. São empresas pequenas, muitas vezes já vinham em dificuldades, e, com o cancelamento em massa de matrículas na faixa de 0 a 3 anos, a situação de algumas ficou inviável”, afirma Ademar Batista Pereira, presidente da Fenep.

Pereira explica que a situação pode se agravar nos próximos meses, já que algumas instituições ainda não tinham demitido funcionários, graças à medida do governo que permitiu a suspensão temporária dos contratos de trabalho. Mas, com o encerramento dos auxílios, muitas instituições não poderão manter todo o quadro de colaboradores.

Perspectivas para 2021

Com relação a 2021, os especialistas consultados pela Gazeta do Povo entendem que será um período bastante desafiador. Os professores terão de trabalhar com as perdas cognitivas por parte dos alunos e com a necessidade de recuperar o aprendizado deles.

“Para o ano que vem é preciso haver um processo de recuperação do aprendizado. Na prática, as crianças terão que fazer dois anos em um. É preciso um esforço concentrado em todas as séries para recuperar o que foi perdido em aulas no contraturno e aproveitando também do sistema online”, observa Naercio.

Claudia Costin afirma que, apesar de o cenário ser desafiador, o período prolongado de aulas suspensas e a consequente adaptação ao ensino remoto, bem como outras adaptações, tendem a gerar oportunidades de inovação e melhora no processo de aprendizagem. “Todo período de crise na história da humanidade é também um período de quebra de paradigmas, de inovação e de aprendizado”, observa a especialista.

”Aprendemos a lidar com outras formas de ensinar para além da aula direta presencial e muitos professores se reinventaram. Alguns avanços tinham se construído na qualidade da educação antes da pandemia. Vamos ter que reconhecer essa queda, arregaçar as mangas e incorporar todas as aprendizagens que tivemos nesse período”, salienta.

29 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 29 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.

  • M

    Marcelo Drachen

    18/10/2020 15:09:38

    Enquanto o sindicato mandar na prefeitura de Curitiba não haverá aula até 2022 ou além. Já que vai ficar sem aula mesmo, o melhor caminho é desligar todo o quadro de professores. Esse dinheiro pode ser empregado em saúde e segurança. Quando a prefeitura resolver retornar às aulas, pode fazer novo concurso público para o magistério.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • G

      Ghislene Elizabeth Wheeler

      13/10/2020 17:19:13

      Amor e disciplina, liderança, liderança dos professores. Não sei o meio caminho entre o sorriso apertado e o sorriso aberto natalino no final do ano. Mas, confio no nosso MEC hoje, e rezo que vai dar tudo certo, 2 em 1.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • R

        Reginaldo

        13/10/2020 15:10:05

        Como é triste ver o quanto o Brasil e o mundo foram manipulados com a força da palavra “CIÊNCIA”, vindo de diretrizes errôneas da OMS, visivelmente conduzidas por pleitos políticos ideológicos, que hoje, se contradiz enfatizando o lado econômico que matará mais do que a pandemia, isso dito pelo próprio diretor da OMS. A IMPRENSA teve um papel ridículo e parcial crucificando um pensamento e exaltando outro, que hoje sabe-se, comprovadamente, que não foi a melhor opção, aliás, que foi a PIOR opção, demostrando a incapacidade dos jornalistas em buscar fatos em prol da sociedade, a desinformação como modos operante da maior parte da imprensa já não é mais novidade pra ninguém.

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

        • L

          LULA CACHACEIRO

          13/10/2020 15:04:24

          Esse comentário foi removido por não estar de acordo com os Termos de Uso.

          Denunciar abuso

          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

          Qual é o problema nesse comentário?

          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

          Confira os Termos de Uso

          • R

            RODRIGO

            13/10/2020 13:49:43

            "Esse corona é um bicho especial. Chega as 23h nos restaurantes. Pega se vc se levanta. Mas sentado na mesa não chega perto. Não vai em praia lotada. Nem em rolezinho. Na fila de embarque do aviao, 1,5m de distancia, desceu a rampinha e entrou, ta tranquilo pode viajar de ombrinho colado. Mas em escola, nossa, ai nao perdoa, virus mortal. Ataca qdo se tem show. Mas em manifestacao e comicio nao vai nao..."

            Denunciar abuso

            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

            Qual é o problema nesse comentário?

            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

            Confira os Termos de Uso

            • O

              Orestes Nicolini Netto

              13/10/2020 13:44:47

              A verdade é uma só: Vivemos num País de políticos corruptos!!!

              Denunciar abuso

              A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

              Qual é o problema nesse comentário?

              Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

              Confira os Termos de Uso

              • F

                FABIO ALEXANDRE SOMBRIO

                13/10/2020 13:43:34

                Uma questão surge: quais serão as atitudes dos governantes e legisladores quanto as consequências dessa suspensão? Escolas particulares quebradas, porque seus alunos migraram para as escolas publicas; escolas publicas que não terão como dar conta desse numerário de alunos quando retornarem as aulas presenciais; todos os setores abertos e funcionando (incluindo bares, lounges, shoppings, etc) menos as escolas. Situação difícil de ser resolvida.

                Denunciar abuso

                A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                Qual é o problema nesse comentário?

                Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                Confira os Termos de Uso

                • P

                  Portugal

                  13/10/2020 13:38:52

                  Criançada se reúnem em família nos finais de semana, indo na praça brincar juntos a tarde... A interação entre elas já existe (e tem que existir). Bota máscara e dá alcool para os professores e vamos seguir em frente.

                  Denunciar abuso

                  A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                  Qual é o problema nesse comentário?

                  Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                  Confira os Termos de Uso

                  • C

                    Carlos André Coelho Ottoni

                    13/10/2020 13:22:39

                    Voltar ou não as aulas é devido a um motivo, qual ? O mesmo que parou as aulas . Ele ainda existe ? ele é Lícito e Verdadeiro ? Quando se tomou esta decisão houve planejamento, aplicou-se um PDCA. ? Analisou-se consequências? As possíveis alternativas ? Tudo isto antes de implantar? Sem Planejamento somos e seremos uma massa de manobra.

                    Denunciar abuso

                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                    Qual é o problema nesse comentário?

                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                    Confira os Termos de Uso

                    • I

                      Injustus

                      13/10/2020 15:04:28

                      Esse comentário foi removido por não estar de acordo com os Termos de Uso.

                      Denunciar abuso

                      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                      Qual é o problema nesse comentário?

                      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                      Confira os Termos de Uso

                      • E

                        EDUARDO CASTRO

                        13/10/2020 12:37:59

                        O mundo todo está errado... só o Brasil está certo em não voltar às aulas (sarcasmo). Quase 8 meses sem aula.... sem interação... sem aprendizado... assistindo TV em casa... largados... mães sem poderem trabalhar... e sem previsão... sempre o fundamento de que "o governo não consegue garantir a segurança"... governo nenhum do mundo consegue... O Paraná, se fosse um país, estaria melhor que boa parte dos países da Europa... que voltaram em 2 ou 3 meses...

                        Denunciar abuso

                        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                        Qual é o problema nesse comentário?

                        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                        Confira os Termos de Uso

                        • A

                          Arys

                          13/10/2020 11:16:33

                          As consequências não são da pandemia, são do Lockdown estúpido, inútil, e que serviu de bandeira política para o STF, governadores e prefeitos, para os Mandettas da vida, enfim um banco de gente que nunca pensou nem pensará na coletividade. As esquerdas mundiais, imprensa esquerdista incluída, se deleitaram vendo quão fácil é dominar o povo pelo medo. Eles conseguiram atingir praticamente três gerações com esta estupidez. A conta chegou, e quem tem de 5 a 50 anos vai pagar um preço caríssimo durante no mínimo uns 15 anos.

                          Denunciar abuso

                          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                          Qual é o problema nesse comentário?

                          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                          Confira os Termos de Uso

                          • A

                            ANA CAROLINA CARIUS

                            13/10/2020 11:12:16

                            E ninguém disposto a encarar o sindicato de professores em época de eleição. Só observo...

                            Denunciar abuso

                            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                            Qual é o problema nesse comentário?

                            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                            Confira os Termos de Uso

                            • R

                              RPM

                              13/10/2020 10:58:12

                              As escolas particulares estão querendo voltar esse ano, para garantir as matrículas para o próximo ano. E assim manterem seus ganhos.

                              Denunciar abuso

                              A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                              Qual é o problema nesse comentário?

                              Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                              Confira os Termos de Uso

                              • F

                                Fernando Antonio Remisio Figuinha

                                13/10/2020 10:49:58

                                As consequências serão piores do que o risco da manutenção das aulas. As crianças não são o público alvo da pandemia, apesar da possibilidade de serem transmissoras para o seio familiar. Mas, não tendo ido às aulas, elas ficaram só em casa? A maioria das famílias dependiam, além do ensino para os seus filhos, de complementação da guarda, educação social e alimentação. Ficaram nas ruas, com fome e se tornaram alvo fácil para o delito.

                                Denunciar abuso

                                A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                Qual é o problema nesse comentário?

                                Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                Confira os Termos de Uso

                                • A

                                  Antoniel Souza Ribeiro da Silva Júnior

                                  13/10/2020 10:13:38

                                  Aglomerações para campanha política: pode! Retorno às aulas: não pode! Não é a toa que o desempenho no Pisa é pífio. O que deveria ser prioridade é tratado com desdém e política barata.

                                  Denunciar abuso

                                  A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                  Qual é o problema nesse comentário?

                                  Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                  Confira os Termos de Uso

                                  • G

                                    Gessé

                                    13/10/2020 10:03:02

                                    As escolas estão ultrapassadas nos seus metodos de ensino, o que ficou mais evidente agora nessa pandemia, perderam uma otima oportunidade de inovar no ensino....e o que fizwram? Para nao pebsar muito obrigaram os estudantes ficarem 4 horas por dia na frente do computador, repetindo assim o que ja era feito no presencial, estudantes um atras do outro com um quadro e professor na frente....sem pensar ou criticar...isso se torna pior nas escolas com maiores estrutura ...a escola não sabe fazer alem do que já é acostumada...

                                    Denunciar abuso

                                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                    Qual é o problema nesse comentário?

                                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                    Confira os Termos de Uso

                                    9 Respostas
                                    • G

                                      Gessé

                                      13/10/2020 14:20:02

                                      SIDNEI MAURICIO: E você e eu sabemos que esse sistema precisa mudar...mas se isso te incomoda tanto, podemos quem sabe discutir de forma plausível sobre o modelo alternativos de educação, onde pelo menos são tentativas de ensinos...que com boa vontade de todas as partes envolvidas e preparação, é possível mudar, não precisa ser um expert como você ou eu para vermos isso...leia denovo meu comentário principal: A ESCOLA PERDEU UMA GRANDE CHANCE DE INOVAR A FORMA DE ENSINAR...pois a ESCOLA procura repetir o que está aí a séculos, sem ao menos tentar, salvo raríssimas exceções nos confins do nosso Brasil.

                                      Denunciar abuso

                                      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                      Qual é o problema nesse comentário?

                                      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                      Confira os Termos de Uso

                                    • G

                                      Gessé

                                      13/10/2020 14:15:28

                                      SIDNEI MAURICIO: CARO SIDNEI, sim, sou especialista em Educação, com Doutorado nessa mesma área, entendo seu ponto de vista...mas a intenção que coloquei nos comentários( se não percebeu), foi o sistema escolar...no sentido sistemático...ou vai dizer que você concorda como está sendo feito as aulas online?...quando falei em inovação de ensino, cito as maneiras de "cobranças" de notas impostas aos estudantes, não se mudou nada sobre isso, nem ao menos discutiram sobre isso com professores e estudantes( ou você acha estudante um ser incapaz de pensar?), nesse sentido que coloquei as explanações necessárias....

                                      Denunciar abuso

                                      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                      Qual é o problema nesse comentário?

                                      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                      Confira os Termos de Uso

                                    • R

                                      RODRIGO

                                      13/10/2020 14:00:25

                                      RODRIGO : ***Extremamente. Corrigindo Prof.

                                      Denunciar abuso

                                      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                      Qual é o problema nesse comentário?

                                      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                      Confira os Termos de Uso

                                    • R

                                      RODRIGO

                                      13/10/2020 13:59:27

                                      SIDNEI MAURICIO: E a pergunta que nao quer calar, sr. Prof. Sidnei. O Sr. é a favor da volta as aulas nas escolas? Se sim, ok! Se não, explane seus motivos de acreditar q o certo é deixar como esta. PS: Sim nosso ensino é estremamente ultrapassado, e de geracao paulo freire, nao atoa no ranking PISA, onde se analisa o ensino de 79 paises, o Brasil flerta como sempre, com as ultimas posicoes!!! Mas isso não é do dia pra noite q se conquista, como o prof mesmo disse. São mais de 25 anos trabalhando para chegar nas ultimas posicoes! Parabens aos envolvidos!

                                      Denunciar abuso

                                      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                      Qual é o problema nesse comentário?

                                      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                      Confira os Termos de Uso

                                    • S

                                      SIDNEI MAURICIO

                                      13/10/2020 12:20:30

                                      E ainda dizem que não fazemos nada. Quanto as aulas online, tenha certeza, está sendo extremamente angustiante para nós, pois estamos "dando" aula para alunos virtuais, sendo que o mais desejamos, é dar aulas para alunos reais, de carne, osso e sentimentos. Não somos nós, professores a causa do Vírus, pelo contrário estamos sendo vítimas do mesmo. Então por favor, pediria que em geral a sociedade, que ataca a classe, pudesse por um minuto, se colocar em nossa posição. Antes da pandemia trabalhávamos de 8 a 12 horas por dia, agora são 24.. Você acaso recebe mensagem de alunos ou pai de aluno, no seu celular as 3 da manhã???

                                      Denunciar abuso

                                      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                      Qual é o problema nesse comentário?

                                      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                      Confira os Termos de Uso

                                    • S

                                      SIDNEI MAURICIO

                                      13/10/2020 12:20:06

                                      . Te convidaria para participar, logo após a retomada das aulas, das minhas aulas durante uma semana em sala de aula, para você dizer se os métodos são ultrapassados, ou se nós professores somos engessados pelo sistema. Pois a 30 anos atrás, professor era somente professor, tinha o respeito de alunos e pais, e minimamente de governantes, hoje além de professores, devemos ser psicólogos, médicos, agentes sociais, pais, mães.

                                      Denunciar abuso

                                      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                      Qual é o problema nesse comentário?

                                      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                      Confira os Termos de Uso

                                    • S

                                      SIDNEI MAURICIO

                                      13/10/2020 12:19:41

                                      . É um absurdo, julgar nós professores como se fôssemos inimigos de Estado, o inimigo não somos. Nós professores só fazemos é passar o conhecimento aos alunos. Se você quer comparar períodos, para externalizar o método ultrapassado, deveria também acompanhar o processo socio-político-econômico a qual este país está atravessando nos últimos 50 anos, e verá que a culpa pelos dados da Educação, não está em nós professores, mas no dirigentes responsáveis pela condução do sistema educativo.

                                      Denunciar abuso

                                      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                      Qual é o problema nesse comentário?

                                      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                      Confira os Termos de Uso

                                    • S

                                      SIDNEI MAURICIO

                                      13/10/2020 12:19:14

                                      E quando pensam em investimento, querem o retorno de forma imediata. Todos nós sabemos que países que passaram por guerras (Estados Unidos, Alemanha, Japão), apenas para citar estes 3, tomaram como primeira atitude, INVESTIR na Educação, para colher os frutos em 30 anos, não em 1 ou 2 anos, como querem nossos governantes. Educação não é empresa, em que você investe pra ter retorno imediato. Ás vezes, me parece que todos que chegaram a este ponto da malfadada História brasileira, foram autodidatas, ou sejam, não precisaram de professores, ou seus filhos não precisarão de professores.

                                      Denunciar abuso

                                      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                      Qual é o problema nesse comentário?

                                      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                      Confira os Termos de Uso

                                    • S

                                      SIDNEI MAURICIO

                                      13/10/2020 12:18:43

                                      Bom dia Gessé. Pelo que pude perceber na sua explanação, tú deve ser expert em Educação, pois afirmar que os métodos estão ultrapassados, é afirmar que você deva conhecer um método moderno. Deveria expor para nós educadores, que método moderno é este??? Mas gostaria que você também adicionasse ao método, o descaso dos governantes, em todas as esferas, com relação a Educação. Sou professor e amo a minha profissão, apesar de todos os desmandos dos últimos governantes, principalmente do Paraná, que vem na Educação um gasto, não um investimento.

                                      Denunciar abuso

                                      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                      Qual é o problema nesse comentário?

                                      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                      Confira os Termos de Uso

                                  • M

                                    Maycon Polidorio

                                    13/10/2020 9:57:48

                                    Vergonha nacional não iniciar as aulas, quem manda no Brasil são os sindicatos. Escolas e Universidades particulares acordem antes que seja tarde, para o inicio urgente. Mas eleições pode, piada pronta.

                                    Denunciar abuso

                                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                    Qual é o problema nesse comentário?

                                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                    Confira os Termos de Uso

                                    • S

                                      Sr. Walker

                                      13/10/2020 9:29:01

                                      Tenho até medo das decisões que serão tomadas em relação a este ano letivo. Por favor, não sonhemos que essas tais aulas on-line foram suficientes para dar conta de tamanho trabalho. Melhor seria declarar no país inteiro o perdimento desse período.

                                      Denunciar abuso

                                      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                      Qual é o problema nesse comentário?

                                      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                      Confira os Termos de Uso

                                      1 Respostas
                                      • C

                                        Claudia

                                        15/10/2020 2:09:56

                                        Por favor , parem de nivelar tudo !!! Há criancas e adolescentes que se dedicaram e muito nos estudos !!! Entao aqueles que nao conseguiram, nao puderam ou desistiram de estudar que percam o ano !!!

                                        Denunciar abuso

                                        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                        Qual é o problema nesse comentário?

                                        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                        Confira os Termos de Uso

                                    Fim dos comentários.