i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Eleições 2020

5 pontos para entender por que Russomanno despencou na pesquisa Datafolha

  • 23/10/2020 15:49
Celso Russomanno (Republicanos)
O candidato a prefeito de São Paulo, Celso Russomanno (Republicanos)| Foto: Reprodução/Facebook

Pesquisa divulgada pelo Datafolha nesta quinta-feira (22) apontou que o percentual de intenções de voto de Celso Russomanno (Republicanos) derreteu desde o início da campanha eleitoral.

Em 8 de outubro, levantamento divulgado pelo instituto apontava que o atual deputado federal tinha 27% da preferência dos eleitores – o que o deixava numericamente à frente de Bruno Covas (PSDB), que tinha 21%. Na pesquisa desta quinta-feira (22), por outro lado, Russomanno aparece com 7 pontos a menos nas intenções de voto, com 20%, enquanto Covas oscilou para 23%.

O tombo é ainda maior se considerarmos que, em pesquisa Datafolha divulgada no dia 24 de setembro, Russomanno tinha 29% da preferência dos eleitores. As informações da metodologia das três pesquisas está ao final do texto.

Veja 5 pontos das pesquisas do Datafolha que nos ajudam a entender por que Russomanno caiu nos levantamentos de intenção de voto em São Paulo:

1. Com Bolsonaro, rejeição a Russomanno aumenta

Os dois levantamentos de outubro do Datafolha apontam que a rejeição a Russomanno cresceu 9 pontos na capital paulista, de 29% para 38%. A explicação pode estar na presença do padrinho político de Russomanno, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), em suas peças de campanha.

Bolsonaro, que declarou apoio ao deputado federal, não goza de boa avaliação entre os eleitores paulistanos. Segundo o próprio Datafolha, 63% dos eleitores dizem que não votariam de jeito nenhum em um candidato apoiado pelo presidente. Já os que afirmaram que o apoio de Bolsonaro os levaria a votar com certeza em um concorrente somaram, apenas, 16%.

Por outro lado, o principal adversário de Russomanno, o atual prefeito Bruno Covas (PSDB) teve queda de 6 pontos na rejeição entre a primeira e a segunda rodadas do Datafolha (de 31% para 25%). O tucano ainda não exibiu com destaque o seu padrinho, o governador João Doria (PSDB). Doria tampouco é um bom puxador de votos: segundo o Datafolha, 60% dos eleitores de São Paulo afirmam que não votariam de jeito nenhum em um candidato apoiado por ele.

Em entrevista à Folha de S. Paulo, o marqueteiro de Russomanno, Elsinho Mouco, afirmou que a campanha "assumiu o risco da rejeição" ao apresentar Bolsonaro endossando o candidato. Já Covas disse, em conversa com o jornal O Globo, que Doria vai aparecer em seu horário eleitoral "no momento adequado".

2. Entre os mais jovens, Russomanno caiu 15 pontos

Os dados das pesquisas do Datafolha por segmento, por sua vez, apontam que a queda mais drástica nas intenções de voto para Russomanno ocorreu entre os jovens, que têm entre 16 e 24 anos. Na pesquisa de 8 de outubro, ele tinha 35% das intenções de voto nessa faixa de eleitores. No último levantamento, o percentual caiu para 20%.

Segundo os dados, a queda na preferência pelo candidato diminui à medida em que eleitores mais velhos são considerados – mas volta a subir entre os idosos. Entre os que têm de 25 a 34 anos, as intenções de voto para Russomanno caíram 9 pontos, de 26% para 17%. Já na faixa de 35 a 44 anos, a preferência foi de 27% a 19% (-8 pontos).

Entre os que têm 45 e 59 anos, por sua vez, a redução foi de apenas 3 pontos (25% para 22%). No grupo dos que têm 60 anos ou mais, por fim, a queda foi de 9 pontos percentuais (28% para 19%).

3. Intenções de voto para Russomanno diminuíram entre católicos

O segundo segmento em que houve maior queda nas intenções de voto para Russomanno foi o de eleitores católicos. Na primeira pesquisa, 27% dos eleitores afirmavam que votariam nele. Já no segundo, o índice foi de 14% – uma queda de 13 pontos.

A preferência pelo candidato caiu, ainda, 8 pontos entre os evangélicos. Mesmo assim, o candidato ainda tem 31% das intenções de voto nesse segmento (eram 39% em 8 de outubro). Entre os espíritas e kardecistas, por sua vez, a redução foi de 6 pontos (de 16% para 10%).

4. Votação entre pretos, menos escolarizados e os que ganham entre 2 e 5 salários também diminuiu

Os dados do Datafolha mostraram, ainda, que a preferência por Russomanno caiu 11 pontos tanto entre os que ganham entre 2 e 5 salários mínimos (de 28% para 17%) quanto entre os que se identificaram como pretos (de 27% para 16%). O mesmo ocorreu entre pardos (queda de 10 pontos, de 32% para 22%) e os que concluíram somente o Ensino Fundamental (de 36% para 26%).

Entre os mais pobres, que ganham até 2 salários mínimos, Russomanno registrou menos 9 pontos entre uma pesquisa e outra (de 34% para 25%) – redução que também ocorreu entre os eleitores do sexo masculino (de 29% para 20%).

5. Se Russomanno caiu, quem subiu?

Os dados do Datafolha também permitem observar quais dos candidatos mais competitivos ganharam votos nos segmentos em que Russomanno teve redução na preferência dos eleitores.

Entre os mais jovens, o maior ganho de votos foi de Guilherme Boulos (Psol), que teve crescimento de 10 pontos entre os eleitores de 16 a 24 anos (de 17% para 27%). Márcio França (PSB) também cresceu na mesma faixa etária, de 4% para 9%; enquanto Covas caiu, de 14% para 12%. Já considerando os que têm entre 25 e 34 anos, Covas foi o que mais se beneficiou, com aumento de 7 pontos entre uma pesquisa e outra (de 16% para 23%).

Considerando a religião, o atual prefeito teve ganhos em duas categorias, com aumento de 6 pontos entre católicos e espíritas (de 24% para 30% e de 19% para 25%). O candidato do PSDB também cresceu entre os que têm Ensino Fundamental (aumento de 23% para 28%), os brancos (de 20% para 25%) e os que ganham até 2 salários mínimos (18% para 22%).

Entre os eleitores pretos, por sua vez, Boulos (18% na pesquisa mais recente) e França (10%) ganharam espaço, com aumento de 5 e 4 pontos, respectivamente. França, além disso, cresceu outros 5 pontos entre os que ganham entre 2 e 5 salários mínimos (de 7% para 12%).

Metodologia da pesquisa do Datafolha em São Paulo

Pesquisa Datafolha de 24 de setembro de 2020 em São Paulo

  • O Instituto Datafolha ouviu 1.092 eleitores de São Paulo, presencialmente, entre os dias 21 e 22 de setembro. A pesquisa foi encomendada pelo jornal Folha de S. Paulo. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos, e o nível de confiança é de 95%. O número de registro no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) é SP-06594/2020.

Pesquisa Datafolha de 8 de outubro de 2020 em São Paulo

  • O Datafolha ouviu 1092 pessoas em São Paulo, sob encomenda da TV Globo e da Folha de S. Paulo, entre os dias 5 e 7 de outubro de 2020. O levantamento tem nível de confiança de 95%, com margem de erro de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob a identificação SP-08428/2020.

Pesquisa Datafolha de 22 de outubro de 2020 em São Paulo

  • Sob encomenda do jornal Folha de S. Paulo e da TV Globo, o Datafolha ouviu 1.204 eleitores em São Paulo entre os dias 20 e 21 de outubro de 2020. O levantamento tem nível de confiança de 95%, com margem de erro de 3 pontos percentuais para mais ou para menos. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob a identificação SP-02125/2020.
9 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 9 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.

  • M

    MARCOS ANTONIO COELHO

    ± 0 minutos

    Me diga quem acredita na pesquisa realizada pela datafoice, vamos guardar esta matéria para ver no final, que papelão GP.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • H

      Hélio

      ± 1 dias

      A matéria não justifica coisa alguma sobre o título que trás! Russomano caiu entre todas as classes de eleitores mencionadas. A impressão que fica, é a de que não sabem do que estão falando. A cidade precisa de alguém preparado para uma boa gestão, e após ouvir o que ele diz na campanha, está considerando que ele não é melhor de Covas. Sugiro a jornalista que estude o assunto por aí e escreva nova matéria.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • B

        Baulé

        ± 2 dias

        Datafoice!?!?

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

        • F

          Freitas

          ± 4 dias

          Se Russomano não se descolar do Jim Jones, não vai para o segundo turno.

          Denunciar abuso

          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

          Qual é o problema nesse comentário?

          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

          Confira os Termos de Uso

          3 Respostas
          • I

            IvoHM

            ± 4 dias

            Do Morno Ching-ling, mais grudado que craca em casco de navio. Se derem um chute nos países baixos dele, você fica banguela?

            Denunciar abuso

            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

            Qual é o problema nesse comentário?

            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

            Confira os Termos de Uso

          • F

            Freitas

            ± 4 dias

            IvoHM: ????? Mantenho distância do Bolsonaro e dos seus juhmentos e dos petralhas e seus genocidas. Satisfeito?

            Denunciar abuso

            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

            Qual é o problema nesse comentário?

            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

            Confira os Termos de Uso

          • I

            IvoHM

            ± 4 dias

            E você, já descolou do Morno?

            Denunciar abuso

            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

            Qual é o problema nesse comentário?

            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

            Confira os Termos de Uso

        • T

          tamotsu kashino

          ± 4 dias

          Não sou favor nem contra Russomanno, mas quando vejo que a pesquisa é da Datafolha e encomendado pela Folha e Globo, não precisa diser mais nada, Datafolha colocou como principal motivo pela queda de Russomanno, e pelo apoio do Bolsonaro, dai podemos imaginar intenção da Datafolha, outra prefeito Covas, todos sabem que ele sofre de cancer em estado avansado que não há cura.

          Denunciar abuso

          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

          Qual é o problema nesse comentário?

          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

          Confira os Termos de Uso

          1 Respostas
          • F

            Freitas

            ± 4 dias

            Uai e há alguns dias o Russomono estava bem nas pesquisas e os fanatizados não acharam "defeito" nas pesquisas.

            Denunciar abuso

            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

            Qual é o problema nesse comentário?

            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

            Confira os Termos de Uso

        Fim dos comentários.