Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

Capa da revista "Playboy" de julho, a bandeirinha Ana Paula Oliveira não está bem fisicamente, segundo a Federação Paulista de Futebol. A musa dos gramados brasileiros não conseguiu passar nos testes físicos da entidade na última terça-feira e não poderá apitar jogos em São Paulo neste mês.

- Ela não completou o teste, assim como muitos outros. Em julho, ela não trabalha com a gente. Os reprovados passarão por uma nova bateria em agosto. Caso não forem aprovados novamente, não apitarão até o fim do ano - afirma o coronel Marcos Marinho, presidente da Comissão de Arbitragem da FPF.

O dirigente acredita que tenha havido um descuido na preparação de alguns árbitros. Ele, porém, descarta qualquer relação da reprovação de Ana Paula com as fotos para a revista masculina. O lançamento da publicação será na próxima terça-feira, com uma festa em São Paulo.

- Não acredito que seja por causa da "Playboy". Estamos usando um novo treino elaborado pela Fifa (dez tiros de 150m e seis de 40m), que é uma simulação do que acontece durante uma partida. Eles vão precisar de um treinamento específico para serem aprovados. Há um ano nós falávamos que mudaríamos o teste, mas acho que não acreditaram - reclama Marinho.Até setembro, Ana Paula não vai bandeirar. Ela só divulgará a sua revista

Por enquanto, Ana Paula Oliveira até poderia continuar trabalhando no Campeonato Brasileiro. A CBF fará um novo teste em seu quadro de árbitros no mês de agosto para escolher quem seguirá apitando até o encerramento da temporada.

- Não há qualquer tipo de discussão aqui na Federação ou na CBF. Quem não passar no teste físico não vai trabalhar mesmo - resume o coronel.

A bandeirinha, porém, já não pretendia trabalhar até setembro para poder divulgar a sua revista em diversos pontos do país.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]