122841

Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

PUBLICIDADE
  1. Home
  2. Esportes
  3. Athletico
  4. Atlético agita mercado ao investir em promessas de outros clubes para sub-23

paranaense

Atlético agita mercado ao investir em promessas de outros clubes para sub-23

Furacão está em busca de jovens revelações de outros times para reforçar a equipe que disputará o Estadual. Zagueiro Paulo André, em transição para a posição de dirigente, ajuda na montagem

  • Daniel Malucelli
Robson Bambu e Guilherme Bissoli. | Divulgação
Robson Bambu e Guilherme Bissoli. Divulgação
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

O Atlético-PR está ampliando a estratégia de montagem do elenco sub-23, que disputará novamente o Campeonato Paranaense na temporada 2019. Se antes o projeto era colocar atletas criados no CT do Caju, agora o Furacão também busca talentos de outros clubes.

Atual campeão estadual, o time de aspirantes está sendo fortalecido com a busca de jovens promessas de outros clubes que ficarão livres no mercado no final do ano. Nas negociações, o zagueiro Paulo André já dá seus primeiros passos como dirigente – em dezembro ele pendura as chuteiras para virar gestor atleticano.

MATEMÁTICA Brasileirão: contas para título, Libertadores e rebaixamento

TABELA: Confira a classificação atualizada e os jogos do Brasileirão

A postura incisiva do Rubro-Negro tem agitado o mercado nos bastidores. Especialmente, com os casos do zagueiro Robson Bambu, 20 anos, do Santos, e do atacante Guilherme Bissoli, 20 anos, do São Paulo.

Segundo a Lei Pelé, o clube formador tem prioridade para assinar o primeiro contrato profissional com o atleta. Quando outro clube faz uma proposta, o formador pode igualar a proposta para renovar com o atleta.

Caso a lei não seja cumprida, o clube formador pode requerer uma indenização de 200 vezes o valor da proposta do outro clube. Porém, é comum os clubes entrarem em acordo para a transação ser realizada.

No caso de Robson Bambu, o jogador não aceitou a proposta santista para renovar.O defensor virou titular com o técnico Cuca e se valorizou durante o imbróglio. Porém, já assinou um pré-contrato com o Furacão para 2019. O acordo prevê multa de rescisão de R$ 2,8 milhões e o Corinthians aparece como terceiro interessado, disposto a pagar o valor ao Furacão.

Já o Santos alega que tem o direito de renovar com o atleta. O presidente santista, José Carlos Peres, acredita que pode vencer a batalha na Justiça Desportiva por se tratar do primeiro contrato profissional. Através da assessoria de imprensa, o clube informou que protocolou um ofício na Federação Paulista de Futebol (FPF) e na Confederação Brasileira de Futebol (CBF) informando os termos contratuais. A proposta salarial é de R$ 70 mil.

Procurado pela reportagem, o representante do atleta, Fernando Giutti, do grupo Magnitude, não quis se pronunciar.

O mesmo acontece com o atacante Guilherme Bissoli, da base são-paulina. A assessoria do São Paulo informa que está ciente da proposta do Atlético, mas alega que o clube do Morumbi fez uma proposta igual exercendo o direito de clube formador.

Além da dupla, o Furacão busca o acerto com o volante Erick, 20 anos, destaque do Operário no título da Série C. O jogador tem os direitos econômicos vinculados ao PSTC até maio de 2019, mas a negociação com o Atlético já está bem encaminhada.

Grupo de WhatsApp do Brasileirão 2018

O Brasileirão 2018 no seu celular. Você pode receber mensagens instantâneas, via WhatsApp, para ficar bem informado sobre tudo o que vai acontecer no Campeonato Brasileiro. Para receber diariamente as principais notícias, resultados e classificação, basta seguir os passos abaixo. É muito simples. Junte-se a nós no Brasileirão 2018!!! Seja bem-vindo ao nosso grupo!

**

8 recomendações para você

deixe sua opinião

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE