i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Grupo G

Com Dunga, operário é maestro

Estreando em uma Copa do Mundo, Elano deu o passe para o gol de Maicon e fez o segundo do Brasil na vitória sobre a Coreia do Norte

  • PorCarlos Eduardo Vicelli, Marcio Reinecken e Robson De Lazzari, enviados especiais
  • 15/06/2010 21:04
Com um futebol arroz com feijão, o meia-volante Elano foi um dos principais destaques da estreia nada empolgante da seleção brasileira na Copa do Mundo. Jogador deu passe para o gol de Maicon e fez o segundo dos brasileiros contra a aplicada equipe da Coreia do Norte | Albari Rosa/ Gazeta do Povo – enviado especial
Com um futebol arroz com feijão, o meia-volante Elano foi um dos principais destaques da estreia nada empolgante da seleção brasileira na Copa do Mundo. Jogador deu passe para o gol de Maicon e fez o segundo dos brasileiros contra a aplicada equipe da Coreia do Norte| Foto: Albari Rosa/ Gazeta do Povo – enviado especial
  • Jong Tae Se, destaque da Coreia do Norte, chora durante o hino nacional do país

Cinco chutes a gol, 8.505 metros percorridos, 73 minutos em campo, uma assistência e uma bola na rede. Para primeiro jogo de Copa do Mundo, o desempenho de Ela­­no na vitória brasileira por 2 a 1 sobre a Coreia do Norte foi bem aceitável.

Os 29 anos completados recentemente, na segunda-feira, não poderiam ter presente melhor. Não que o jogador do turco Gala­­ta­­saray tenha sido extraordinário diante dos frágeis asiáticos, mas o feijão com arroz bem feito já o satisfaz. E também ao seu principal motivador: o técnico Dunga.

Tanto que ao ser substituído por Daniel Alves, um minuto após colocar 2 a 0 no placar, um dos pupilos prediletos do treinador nem pensou em reclamar. Soltou, sim, um sorriso de alegria ao receber o abraço do comandante.

"Procurei fazer o melhor e acho que ajudei. Tive a oportunidade de dar um passe e receber um ótimo passe do Robinho e pude fazer o gol. Então estou muito feliz", avisa, prevendo um futuro ainda mais alegre com a camisa amarela.

Poucos dias antes da estreia, Elano já havia deixado claras as suas pretensões na Copa da África do Sul. Longe de brigar por prêmios individuais ou aspirar ser o protagonista do time, ele gosta mesmo é de ser coadjuvante.

Para isso, encarnou com toda a força o papel no primeiro jogo. Distribuiu 33 passes no período em que esteve no gramado, 9 deles para o lateral-direito Maicon (o mais acionado pelo meia), que aproveitou um desses para marcar.

Mas nem na hora de passar pela zona mista, uma espécie de corredor cercado por jornalistas na saída do vestiário, Elano quer ser o astro. Nem quando foi fundamental ao participar dos dois gols da equipe. "Faço parte de um grupo sensacional e prezo muito por ele. Nunca tive a pretensão de ser estrela", reitera.

A confiança para seguir fiel ao seu estilo, ele certamente terá. Questionado sobre a entrada de Daniel Alves na função de meia-direita durante a segunda etapa, Dunga elogiou o reserva, mas não titubeou: "É o Elano que continuará jogando ali."

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.