Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
Itaquerão deixará de ter arquibancadas que elevaram capacidade para cerca de 63 mil lugares | Albari Rosa / Gazeta do Povo
Itaquerão deixará de ter arquibancadas que elevaram capacidade para cerca de 63 mil lugares| Foto: Albari Rosa / Gazeta do Povo

Pouco menos de 48 horas depois de receber seu último jogo na Copa do Mundo, o Itaquerão começou a ter desmontada as arquibancadas provisórias que acrescentaram cerca de 19 mil lugares ao novo estádio do Corinthians para os jogos do Mundial. A arena sediou seis partidas, incluindo o duelo entre Holanda e Argentina, na quarta, pela semifinal.

O processo de desmontagem teve início na manhã desta sexta-feira, com a remoção dos setores elétricos de cada uma das arquibancadas, colocadas nos lados Sul e Norte do estádio. As primeiras cadeiras começarão a ser retiradas na próxima segunda. O prazo máximo para remoção total dos assentos temporários é de 120 dias.

A desmontagem não deve atrapalhar a realização de jogos no local Com o fim da Copa do Mundo neste domingo, o Brasileirão será retomado já na quarta. E o Corinthians mandará em seu novo estádio a partida contra o Internacional, na quinta, pela 10ª rodada. A obra ficará isolada do público em dias de jogo, de acordo com a Fast Engenharia, responsável pela instalação e remoção das arquibancadas.

Durante a Copa, as arquibancadas provisórias acrescentaram 8.800 lugares em cada um dos lados, Norte e Sul, além de 1.200 no Leste e 1.000 no Oeste. A estrutura total pesa cerca de 2 mil toneladas. Dos assentos fixos, o Corinthians deve remover uma parte dos assentos para acomodar as torcidas organizadas.

Além do Itaquerão, a Arena Fonte Nova começou a perder suas estruturas temporárias. Na terça-feira, teve início a desmontagem das arquibancadas que acomodavam 5 mil lugares. O processo de remoção também está sendo realizado pela Fast Engenharia.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]