Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
Imagem publicitária da Adidas com o jogador Luis Suárez viralizou na rede após atacante ter mordido adversário durante jogo | Kai Pfaffenbach/Reuters.
Imagem publicitária da Adidas com o jogador Luis Suárez viralizou na rede após atacante ter mordido adversário durante jogo| Foto: Kai Pfaffenbach/Reuters.

Uma das maiores empresas de artigos esportivos do mundo, a alemã Adidas anunciou, neste domingo (13), que manterá o patrocínio ao uruguaio Luis Suárez, mesmo após a mordida no zagueiro italiano Giorgio Chiellini em jogo da fase de grupos da Copa do Mundo.

"Vamos continuar patrocinando Luís Suárez", afirmou o presidente-executivo da Adidas, Herbert Hainer, à agência alemã SID."Mas vamos conversar com ele e com seu empresário sobre o que esperamos dele dentro e fora de campo", completou o executivo, que disse considerar o uruguaio "um dos melhores atacantes do mundo".

Depois de morder Chiellini no jogo entre Itália e Uruguai, Suárez foi punido pela Fifa com nove partidas de suspensão, quatro meses de afastamento de qualquer atividade ligada ao futebol e uma multa de 100 mil francos suíços (cerca de R$ 248 mil).

Desde o escândalo, o jogador trocou o Liverpool pelo Barcelona, em um negócio avaliado em 75 milhões de euros (R$ 226 milhões). O time do Barcelona é patrocinado pela maior concorrente da Adidas, a americana Nike.

Preocupada com a imagem do atacante após a mordida, a Adidas chegou a divulgar que a relação comercial com o jogador, uma das estrelas de suas campanhas publicitárias, seria encerrada.

Agora, o presidente da empresa diz que a atitude de Suárez é inaceitável, mas defendeu o atleta sob a justificativa de que a mordida seria consequência da "pressão sofrida pelos jogadores durante a Copa do Mundo". "Além do mais, ele [Luis Suárez] pediu desculpas", reforçou Hainer.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]