i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Brasileirão

Em volta de Ronaldo, Corinthians bate o Vitória em casa

  • PorAgência Estado
  • 29/08/2010 18:20

Para comemorar a volta de Ronaldo e o início da semana em que comemora o seu centenário, o Corinthians conquistou um resultado importante neste domingo (29). Em casa, no Pacaembu, a equipe bateu o Vitória por 2 a 1, em jogo válido pela 17.ª rodada do Campeonato Brasileiro, e segue a sua perseguição ao líder Fluminense. Quanto ao Fenômeno, ele jogou até os 17 minutos do segundo tempo mas mostrou que ainda sente a falta de ritmo.

Com o triunfo, o Corinthians chegou aos 34 pontos e ficou provisoriamente a apenas dois do Fluminense, que ainda joga neste domingo contra o São Paulo, no Maracanã. Além disso, o time corintiano já tem boa vantagem para os demais primeiros colocados. O Vitória, por sua vez, segue com 21 pontos, na zona intermediária da tabela.

Pela próxima rodada, o Corinthians ainda não entrará em campo, já que teve o seu jogo contra o Vasco, fora de casa, adiado por causa das comemorações do centenário - a partida foi remarcada para 13 de outubro. Assim, a equipe só joga no sábado, às 18h30, novamente no Pacaembu, diante do lanterna Goiás. O Vitória atua já na quarta-feira, às 19h30, quando recebe o quarto colocado Internacional no Barradão.

Susto inicial

Logo nos primeiros minutos, Ronaldo sentiu a coxa, caiu no gramado e ficou pedindo atendimento. Mas não passou de um susto e o atacante logo já estava de volta ao jogo, bastante aplaudido. O Fenômeno não atuava desde a estreia pelo Brasileirão, no dia 9 de maio.

Com Ronaldo recuperado, o torcedor corintiano logo teve o que comemorar. Aos 11, Roberto Carlos fez um ótimo lançamento para área. Iarley, meio desequilibrado e na altura da marca do pênalti, foi mais esperto que o zagueiro, cabeceou e conseguiu encobrir o goleiro Viáfara para fazer 1 a 0.

Moleza

O gol deu mais tranquilidade ao Corinthians, que passou a tocar a bola até com demasiada lentidão - diferente do que tem feito sob o comando de Adilson Batista. Elias e Jucilei, empenhados mais em marcar do que criar, não conseguiam armar as jogadas. Paulinho, que inicialmente teria apenas a função de desarmar, acabou tendo liberdade para armar, mas mostrou alguma dificuldade para isto.

Com isto, o Vitória se animou para ir mais à frente, já que o ataque corintiano passou a oferecer pouco perigo após o gol. O time baiano, bem disposto em campo, se mostrou uma séria ameaça à partir da metade do primeiro tempo e até mereceu ir para o vestiário com o empate.

O Vitória, aliás, chegou muito perto de marcar o gol aos 34, quando Henrique mandou uma bomba de longe e acertou o travessão do goleiro Júlio César.

Mas, mesmo ameaçando pouco, o Corinthians conseguiu ampliar o placar. Nos descontos do primeiro tempo, Elias arrancou do meio de campo, invadiu a área e foi desarmado por Gabriel, que acabou fazendo bom passe para Paulinho. O volante corria livre pelo meio da área e só teve o trabalho de escorar para o gol.

No segundo tempo, o Vitória voltou aparentemente conformado com o resultado e praticamente não ameaçou o gol de Júlio César. O Corinthians, por sua vez, manteve o espírito de marcar mais do que criar, principalmente porque Bruno César não fez uma boa partida e também não foi uma grande ameaça para o gol de Viáfara.

A falta de objetividade do Corinthians conseguiu animar novamente o Vitória, que apostou na qualidade de Kléber Pereira a partir dos 26, quando o jogador substituiu Vanderson. O atacante fez por merecer a confiança e conseguiu diminuir o prejuízo do time baiano. Aos 37, Evandro levantou na área para o centroavante, que cabeceou firme e fez o seu.

O gol reascendeu as esperanças do Vitória. Mas o Corinthians, apesar do sufoco, conseguiu segurar o resultado positivo, mantendo os 100% de aproveitamento como mandante no Pacaembu neste Brasileirão.

Reclamação

O Vitória foi para o intervalo reclamando de um pênalti de Paulo André em cima de Júnior, que o árbitro Célio Amorim não marcou. Após ser driblado na área, o corintiano acertou a canela do atacante, quando este se preparava para o chute.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.