Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

O arquiteto Carlos Arcos, responsável pelo projeto de conclusão do estádio Joaquim Américo (Arena da Baixada), será um dos participantes do 2º Fórum de Arquitetos da Copa. O evento acontece quinta (10) e sexta (11) em Salvador, capital baiana. O encontro faz parte de uma série de eventos promovidos pelo Sinaenco - Sindicato da Arquitetura e da Engenharia, com co-participação do Portal 2014.

O evento irá reunir escritórios de arquitetura e profissionais responsáveis pelos 12 estádios pré-indicados a sub-sedes da Copa do Mundo de futebol de 2014, que será realizada no Brasil. Os principais temos que serão discutidos são a sustentabilidade econômica e ambiental das praças esportivas. Além disso, os participantes devem debater sobre as normas estipuladas e buscar soluções tecnológicas de baixo impacto ambiental.

De acordo com o vice-presidente de arquitetura do Sinaenco, Leon Myssior, o objetivo do encontro é constituir um espaço de debates sobre os principais problemas encontrados pelos arquitetos e promover a troca de experiências sobre as melhores soluções para os projetos. No final do encontro será elaborado um documento propositivo para ser encaminhado ao Ministério dos Esportes.

Cidades correm riscos

Embora a CBF negue a possibilidade, quatro cidades estariam correndo risco de perder o direito de serem sub-sedes da Copa. Recife, Natal, Cuiabá e Manaus, segundo o Portal 2014, não teriam convencido aos membros da Fifa, que teriam dito que a abertura do mundial acontecerá em São Paulo, mas que apesar dos esforços dos arquitetos e do comitê paulista da Copa, dificilmente será no Morumbi.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]