i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Paranaense

Atlético tenta aproveitar segunda chance de chegar ao topo

Furacão tem mais uma oportunidade de assumir a liderança do returno do Estadual. Para isso, precisa vencer o Arapongas e secar o Londrina

  • PorFernando Rudnick
  • 05/04/2013 21:01
Atlético briga pela liderança do returno com o Londrina | Jonathan Campos / Gazeta do Povo
Atlético briga pela liderança do returno com o Londrina| Foto: Jonathan Campos / Gazeta do Povo

Adversário

Atuação no primeiro tempo contra o Coritiba inspira o Arapongas

Antepenúltimo colocado do returno do Estadual com seis pontos, o Arapongas se inspira no primeiro tempo feito contra o Coritiba, no domingo passado, para tentar vencer o Atlético hoje. Na ocasião, o time Norte do estado abriu 2 a 0 sobre o campeão do turno, em pleno Couto Pereira. "Jogamos muito bem e fomos convincentes. A derrota [por 3 a 2] foi uma judiação. Não merecíamos", diz o técnico Lio Evaristo.

Segundo ele, o grupo reagiu bem ao duro revés. "Agora não é momento de focar o negativo. Trabalhei com eles durante a semana só as coisas boas que tiramos daquela partida", emenda o treinador. O lateral-direito Cristovam, suspenso, deve ser a única mudança na equipe. Pedro Balu será o substituto.

O sub-23 do Atlético tem hoje, às 16 horas, uma segunda chance para assumir, ao menos temporariamente, a ponta do returno do Paranaense. Na pior das hipóteses, uma vitória sobre o Arapongas, no Ecoestádio, manterá os comandados de Arthur Bernardes na caça ao líder Londrina, que entra em campo amanhã, em casa, contra o Operário.

Até lá, entretanto, um triunfo atleticano deposita­ria uma dose extra de pressão sobre o Tubarão, além de apimentar as rodadas finais do campeonato. Atualmente, a diferença entre os clubes, que empataram no confronto direto da semana passada, é de dois pontos (19 a 17). Com 15, o J. Malucelli corre por fora pela vaga na final com o Coritiba.

A busca do Furacão pela ponta, todavia, era situação impensável nas mesmas sete rodadas do primeiro turno. Na ocasião, o time de Arthur Bernardes decepcionava a torcida – tinha apenas sete pontos e uma única vitória. Hoje, a situação é oposta. O sub-23 se recuperou e está invicto na parte final da competição. São cinco triunfos, o segundo melhor ataque e a segunda melhor defesa do returno.

Em números, a evolução atleticana é de 47,6%. "É um time com toque de bola bonito. Do meio para frente temos de tomar cuidado", alerta Lio Evaristo, técnico do Arapongas.

"Eles são jovens, a maioria tem menos do que 23 anos. Por isso foi difícil para eles [o início do Estadual] e é normal a demora para se adaptar ao campeonato. Mas de repente começaram a jogar", acrescenta Evaristo, que pede atenção principalmente com Dou­­glas Coutinho, Zezinho e Hernani.

Além do Arapongão, o Atlé­­­­­­tico ainda encara, em sequência, o terceiro colocado Jotinha e o clássico com o Coritiba, antes de fechar sua participação diante do Operário, em Ponta Grossa. Para seguir sonhando, no entanto, terá de vencer em casa hoje.

"Vamos ter de fazer a nossa parte também neste jogo e, se conseguirmos um grande resultado, vamos respirando, gradativamente, sem entusiasmo e sempre atentos", diz Bernardes, que mira mais do que uma simples vaga na decisão. "Este é um clube grande e quem trabalha em um clube com uma camisa como essa tem de pensar grande. E pensar grande é ser campeão, não dá para pensar diferente", fecha o comandante.

O lateral-esquerdo Hé­­racles, com problemas pes­­soais, está fora do jogo. An­­derson Tasca deve ser o substituto.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.