Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

PUBLICIDADE
  1. Home
  2. Esportes
  3. Futebol
  4. Brasileirão Série A
  5. Fluminense bate o Corinthians em duelo de times reservas

Brasileiro

Fluminense bate o Corinthians em duelo de times reservas

Mais preocupados com a Libertadores, times seguraram os titulares. Leandro Euzébio marcou o gol da vitória carioca fora de casa

  • Agência Estado
O zagueiro Leandro Euzébio comemora o gol da vitória do Fluminense sobre o Corinthians no Pacaembu |
O zagueiro Leandro Euzébio comemora o gol da vitória do Fluminense sobre o Corinthians no Pacaembu
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

Corinthians e Fluminense estrearam no Campeonato Brasileiro neste domingo (20), no Pacaembu, com a cabeça na Libertadores. Com equipes reservas de ambos os lados, quem se deu melhor foi o time carioca, que venceu por 1 a 0.

A derrota corintiana ficou marcada pelo primeiro gol levado por Cássio com a camisa alvinegra. Depois de quatro partidas como titular - contra XV de Piracicaba, Emelec duas vezes, e Vasco -, o goleiro finalmente foi vazado. Foram mais de 400 minutos de invencibilidade.

Preocupados com seus compromissos nas quartas de final da Libertadores, Corinthians e Fluminense pouparam os titulares. Nem o técnico do time carioca, Abel Braga, esteve no banco de reservas, suspenso por uma expulsão ainda no Brasileiro do ano passado.

Depois de um empate por 0 a 0 no Rio de Janeiro, o Corinthians enfrenta o Vasco na quarta-feira (23), no Pacaembu, precisando de uma vitória simples para avançar às semifinais da Libertadores. No Brasileiro, o próximo compromisso será diante do Atlético-MG, no próximo domingo (27), no Estádio Independência.

O Fluminense tem uma tarefa mais difícil. A equipe foi derrotada por 1 a 0 pelo Boca Juniors no jogo de ida das quartas de final e precisa vencer por dois gols de diferença na quarta para avançar na Libertadores. Pelo campeonato nacional, os cariocas voltam a campo contra o Figueirense em casa no domingo.

O jogo

Apesar de estar com o time reserva, o Corinthians contava com alguns jogadores que já foram titulares, como o atacante Willian, principal arma da equipe no início da partida. Foi dele a primeira jogada de perigo, aos 6 minutos, quando deu ótimo cruzamento para Gilsinho, que cabeceou com perigo.

A equipe paulista ficava mais com a posse de bola, mas aos poucos o Fluminense passou a explorar os contra-ataques com seus velozes três atacantes. Em uma dessas jogadas, o argentino Lanzini deu bom passe para Matheus Carvalho, que bateu de primeira, exigindo boa defesa de Cássio.

A primeira grande chance corintiana surgiu apenas aos 32 minutos. Douglas recebeu na intermediária e tocou de primeira para Willian, pelo alto. O atacante apareceu nas costas dos zagueiros e chutou de primeira, fazendo Ricardo Berna trabalhar pela primeira vez. Três minutos depois foi a vez de Gilsinho, novamente de cabeça, levar perigo.

Douglas apareceu para o jogo, Willian e Gilsinho passaram a ser bastante acionados pelas pontas, e o Corinthians cresceu. Mesmo sem grandes oportunidades, o time paulista encurralou o Fluminense, mas falhava no último passe.

O Corinthians voltou melhor para a etapa final e perdeu boa chance logo aos 8 minutos. Liedson roubou a bola no meio de campo, Willian arrancou e tocou para Douglas. O meia entrou na área e chutou na trave. Nos minutos seguintes, Ramírez, Willian e Ramon também levaram perigo a Ricardo Berna.

Depois de um início mais animado, o segundo tempo ficou morno. Satisfeito com o empate, o Flu apostava nos contra-ataques. Até por isso, Leomir de Souza - que comandava o time no lugar de Abel no banco - colocou o volante Jean e o lateral Carlinhos nos lugares do meia Lanzini e do atacante Matheus Carvalho.

Com o jogo truncado, o gol só poderia sair em uma jogada de bola parada, e foi o que aconteceu. Aos 26 minutos, o zagueiro Leandro Euzébio escorou de cabeça no canto direito, sem chance para Cássio. Em desvantagem, o Corinthians tentou ir para cima, inclusive promovendo a estreia do atacante Adilson, ex-XV de Piracicaba. Mas a equipe não incomodou o Fluminense, que se fechou ainda mais na defesa e garantiu a vitória.

8 recomendações para você

deixe sua opinião

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE