Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
O técnico português José Mourinho é expulso de campo pelo árbitro na derrota para o West Ham. | Eddie Keogh/Reuters
O técnico português José Mourinho é expulso de campo pelo árbitro na derrota para o West Ham.| Foto: Eddie Keogh/Reuters

O Chelsea continua em péssima fase no Campeonato Inglês. Neste sábado, a equipe perdeu por 2 a 1 para o West Ham, fora de casa, e amarga seu pior início de temporada desde que o magnata russo Roman Abramovich comprou o clube, em 2000. Após dez jogos disputados, os atuais campeões estão apenas na 15ª colocação, com 11 pontos.

Por outro lado, o time anfitrião segue como principal surpresa da competição. Depois de também vencer Arsenal, Liverpool e Manchester City, o West Ham é o atual vice-líder com 20 pontos, um a menos do que o City, que está na liderança e visita o Manchester United neste domingo, pela 10ª rodada.

O placar adverso, a má atuação do Chelsea e o juiz tiraram o técnico José Mourinho do sério. No intervalo da partida, ele tentou invadir o vestiário da arbitragem e foi expulso de campo. O treinador começou a perder a cabeça aos 17/1º. Após cobrança de escanteio de Payet, Ramires afastou, mas a bola caiu nos pés do argentino Mauro Zárate, que mandou uma bomba de perna direita para abrir o placar.

Excluído do campo de jogo, José Mourinho acompanha a derrota do Chelsea da tribuna.Eddie Keogh/Reuters

Mourinho também ficou indignado com um lance aos 37. Após cruzamento, Zouma cabeceou para o gol e Lanzini salvou em cima da linha. Os jogadores do Chelsea pediram o gol, mas o árbitro Jonathan Moss mandou a partida seguir. Cinco minutos depois, Fábregas recebeu na direita em posição legal e bateu cruzado para marcar. O árbitro, no entanto, anulou o gol alegando impedimento.

A gota d’água para o treinador se revoltar aconteceu nos acréscimos da primeira etapa, quando Matic fez falta em Payet e foi expulso ao receber o segundo amarelo. Mourinho foi tirar satisfações e teve que assistir a segunda etapa das tribunas. Apesar disso, o Chelsea voltou mais concentrado e igualou o marcador aos dez minutos.

Willian cobrou escanteio, Zouma desviou, a bola sobrou para Cahill chutar e deixar tudo igual. A partida seguiu equilibrada, mas aos 34 minutos os anfitriões justificaram a fama de carrasco dos grandes da competição. Creswell cruzou da esquerda e Andy Carroll desviou de cabeça para as redes.

O Chelsea agora tentará a reabilitação contra o Liverpool no próximo sábado, às 15 h (horário de Brasília), no Estádio Stamford Bridge, em Londres. O West Ham volta a campo no domingo, dia 1º de novembro, contra o Manchester United, fora de casa.

Outros jogos

Também pelo Inglês, o Leicester City derrotou o Crystal Palace por 1 a 0, em casa, com gol de Jamie Vardy. Com o resultado, o time anfitrião subiu para a quinta colocação com os mesmos 19 pontos do adversário, que caiu para o sexto lugar.

Nas demais partidas, os visitantes surpreenderam os times da casa. O Watford derrotou o Stoke City por 2 a 0 e ultrapassou o rival na tabela. Com gols de Deeney e Abdi, a equipe visitante foi a 13 pontos e chegou à 13ª colocação. Os anfitriões estão em 14º, com 12.

O Swansea City contou com dois gols de Sigurdsson para derrotar o Aston Villa por 2 a 1, fora de casa. Com a vitória, o time subiu para o 11º lugar, com 13 pontos, enquanto o adversário está em penúltimo lugar, com quatro. O West Bromwich jogou no estádio do Norwich City e venceu por 1 a 0. Salomon Rondon marcou o gol da partida que levou sua equipe para a nona colocação com 14 pontos. Os anfitriões estão em 16º, com nove.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]