i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Tênis

Djokovic sua novamente, mas bate Nishikori e vai à semifinal em Roma

    • Estadão Conteúdo
    • 15/05/2015 15:15
    O sérvio Novak Djokovic teve dificuldades para chegar à semifinal em Roma, contra o espanhol David Ferrer. | Alessandro Dimeo/EFE
    O sérvio Novak Djokovic teve dificuldades para chegar à semifinal em Roma, contra o espanhol David Ferrer.| Foto: Alessandro Dimeo/EFE

    O sérvio Novak Djokovic mais uma vez precisou suar muito, mas se garantiu nas semifinais do Masters 1.000 de Roma nesta sexta-feira (15). Pela terceira vez nas três partidas em que atuou na competição, o líder do ranking mundial precisou de três sets para vencer, mas avançou ao bater o japonês Kei Nishikori, com parciais de 6/3, 3/6 e 6/1.

    Djokovic já havia tido bastante dificuldade contra o espanhol Nicolas Almagro e contra o brasileiro Thomaz Bellucci, quando também precisou de três sets. Diante de Nishikori, quinto cabeça de chave do torneio e número 6 no ranking da ATP, o enredo se repetiu.

    Nesta sexta, Djokovic reclamou bastante da quadra molhada em Roma, mas isso não pareceu ter o atrapalhado, pelo menos não no início. O sérvio conseguiu uma quebra logo de cara e abriu 3 a 0. Nishikori ainda precisou salvar alguns break points, mas não mostrou força para reagir e acabou derrotado.

    O segundo set foi bem mais equilibrado, mas Nishikori conseguiu uma quebra solitária no sexto game, na única oportunidade que teve, para vencer. Somente na parcial de desempate Djokovic mostrou sua superioridade, comandou o duelo como quis e confirmou os dois break points que teve para triunfar.

    Com o resultado, Djokovic chegou à incrível marca de 20 vitórias consecutivas. Esta sequência será colocada à prova na semifinal em Roma, na qual ele terá pela frente o espanhol David Ferrer, cabeça de chave número 7, que passou pelo belga David Goffin mais cedo.

    Em 19 duelos entre eles, ampla vantagem para o sérvio, que venceu 14. O último triunfo de Ferrer aconteceu ainda em 2011, no ATP Finals, em Londres. No saibro, a última vitória do espanhol foi em um confronto pela Copa Davis em 2009.

    Deixe sua opinião
    Use este espaço apenas para a comunicação de erros
    Máximo de 700 caracteres [0]

    Receba Nossas Notícias

    Receba nossas newsletters

    Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

    Receba nossas notícias no celular

    WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.