Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

PUBLICIDADE
  1. Home
  2. Esportes
  3. Roberto Cavalo substitui Marcelo Oliveira no Paraná

série b

Roberto Cavalo substitui Marcelo Oliveira no Paraná

Treinador gaúcho fica no Tricolor até o fim da temporada e tem como desafio salvar o time da degola

  • gazeta do povo
 |
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

Roberto Cavalo é o novo comandante do Paraná Clube. O técnico gaúcho aceitou nesta segunda-feira (4) a proposta do Tricolor e fica no clube da Vila Capanema até o fim da temporada da Série B. Cavalo vai substituir o mineiro Marcelo Oliveira, demitido no último sábado (2), após sofrer uma goleada para a Portuguesa no dia anterior.

"Acredito que temos capacidade para escapar do rebaixamento e o primeiro objetivo é esse. Vamos dar o primeiro passo contra o Icasa e depois continuar trabalhando firme para conquistar os resultados que precisamos", disse o técnico ao site Justiça Desportiva. Ele irá estrear no próximo sábado (9), contra o Icasa, no Durival Britto.

Esta será a segunda passagem de Cavalo pelo Tricolor. Em 2009, comandou o time em em 15 rodadas, levou a equipe a uma invencibilidade de 10 partidas, e deixou a o time da 10.ª posição da Segundona. Apesar do bom aproveitamento (55%, com seis vitórias, sete empates e duas derrotas), não continuou à frente do time para o Campeonato Paranaense porque não entrou em acordo salarial.

Após o time paranista, o técnico também dirigiu, em 2010, o Mixto-MT e o Vila Nova-GO.

Histórico

Nos tempos de jogador, Roberto Cavalo, gaúcho de Carazinho, foi um meio-campista habilidoso. Começou a carreira no Atlético Paranaense, clube pelo qual foi duas vezes campeão paranaense, em 1985 e 1988. Também teve passagens marcantes por Criciúma, onde conquistou três catarinenses e uma Copa do Brasil, e Vitória, quando em 1993 foi vice-campeão brasileiro.

Como treinador, Cavalo tem mais de dez anos de experiência, a maioria deles, em times de pouca expressão. Estreou com o pé direito em 1998, e levou o Avaí à conquista da Terceira Divisão. Seis anos depois, também pelo Leão, foi eleito o melhor treinador da Série B. No ano seguinte, foi campeão paraense com o Paysandu.

8 recomendações para você

deixe sua opinião

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE