i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
JUSTIÇA

Robinho é condenado a nove anos de prisão por violência sexual

Atacante do Atlético-MG teria cometido “violência sexual em grupo” contra uma jovem albanesa em 2013

  • PorGazeta do Povo
  • 23/11/2017 14:13
 | Douglas Magno/O Tempo/Folhapress
| Foto: Douglas Magno/O Tempo/Folhapress

De acordo com o portal da agência de notícias Ansa, da Itália, o atacante Robinho, 33 anos, do Atlético-MG, foi condenado a nove anos de prisão por violência sexual ‘em grupo’. O caso aconteceu em 2013, quando o jogador ainda estava no Milan.

A acusação é de um caso ocorrido numa boate em Milão em janeiro de 2013, quando o jogador estava na terceira de suas quatro temporadas no Milan. Na ocasião, ele e outras cinco pessoas foram acusadas de terem abusado sexualmente de uma garota albanesa de 22 anos.

A imprensa italiana está dando ampla cobertura para a condenação. O portal da La Gazzetta Dello Sport, tradicional veículo do país, lembrou ainda que o atacante passou por história semelhante em 2009, quando defendia o Manchester City, da Inglaterra. Uma jovem o acusou de abuso numa boate em Leeds. Houve uma investigação e foi comprovado que a jovem estava mentindo.

Em outubro de 2014, através de um vídeo divulgado pelo Santos, seu clube à época, Robinho desmentiu a acusação que agora é feita e se disse “muito triste e revoltado”.

A defesa do jogador publicou uma nota oficial na tarde dessa quinta-feira: “Sobre o assunto envolvendo o atacante Robinho, em um fato ocorrido há alguns anos, esclareço que meu cliente já se defendeu das acusações, afirmando não ter qualquer participação no episódio. Todas as providências legais já estão sendo tomadas acerca desta decisão em primeira instância”.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.