Próxima adversária da seleção brasileira, a Argentina deve anunciar hoje a efetivação do técnico in­­terino Sergio Batista, que está substituindo Maradona desde o fim da Copa 2010. A efetivação será comunicada pelo Comi­­tê Exe­­cutivo da AFA (Associação do Fu­­tebol Argentino) após a aprovação de uma comissão responsável por escolher o diretor técnico.

Medalha de ouro nos Jogos de Pequim, o treinador conta com a aprovação do influente presidente da AFA, Julio Gron­­dona, que é também o vice-presidente da Fifa. Luis Segura, presidente do Ar­­gen­tinos Juniors e secretário de seleções na­­cionais, defendeu a escolha: "O apoio que Batista tem de toda a equipe, algo que vimos claramente nas últimas três partidas que dirigiu, é fundamental".

Batista comandou a Argentina na vitória sobre a Irlanda (1 a 0) e na goleada contra a Espanha (4 a 1), além da derrota para o Japão por 1 a 0. Brasil e Argentina se enfrentam dia 17, em Doha, no Catar.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]