Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado

No começo da semana, banqueiros, grandes empresários, celebridades, enfim, aquela "beautiful people" que você conhece de outros carnavais, divulgou um manifesto em defesa do Estado Democrático de Direito. É a velha lenga-lenga de que a democracia está ameaçada por golpistas, pela desconfiança em relação à lisura das eleições e pelos ataques às instituições.

O que chama a atenção nesse manifesto é a presença, entre os signatários, de uma parcela importante do PIB brasileiro. O que nos leva a perguntar: o capital abandonou Bolsonaro e está mesmo disposto a embarcar no plano de argentinização do Brasil proposto por Lula e sua equipe de terraplanistas econômicos?

A semana também foi marcada pela varíola do macaco. A Organização Mundial da Saúde declarou emergência. E, aqui e ali, já começam a aparecer na imprensa nacional notícias com aquele tom alarmista. Será que existe alguma chance de vermos o mundo reagindo à varíola do macaco do mesmo jeito que reagiu à Covid-19? Ou será que a razão, aquela ciência que se escreve com “c” maiúsculo, prevalecerá?

Por fim, os colunistas da Gazeta do Povo Guilherme Fiuza e Rodrigo Constantino repercutirão uma notícia publicada pela Gazeta do Povo: a de que pastores estão sendo acusados de homofobia (crime inafiançável e equiparado ao racismo) por se recusarem a celebrar casamentos homoafetivos. A liberdade religiosa será respeitada? Ou em breve veremos sacerdotes obrigados a agir contrariamente às suas crenças, tudo em nome da equididade sexual?

A apresentação do episódio 87 do podcast O Papo É é de Paulo Polzonoff Jr.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]