Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Comunidade on-line reúne professores de escolas públicas de todo o país
| Foto: Canva

Para permitir a troca de experiências entre profissionais e professores de escolas da rede pública e básica de todo o Brasil, o projeto Ler e Pensar (LeP), do Instituto GRPCOM e da Gazeta do Povo, lança uma comunidade on-line. Exclusiva aos docentes cadastrados no projeto, a ConectaLePnome escolhido para a comunidade por meio de votação, faz alusão justamente à oportunidade de conexão entre os professores, oferecida pela plataforma, e aos conteúdos gratuitos, ofertados pelo Ler e Pensar.

"Nossa comunidade é formada por professores inquietos, que conhecem o poder transformador da Educação e que buscam, a cada dia, melhorar o processo de ensino e aprendizagem de seus alunos. São professores atentos às tendências da área da educação, comunicação e à transformação digital”, explica Mariane Maio, gestora do Ler e Pensar. De acordo com a gestora, o intuito da comunidade é criar uma grande rede de professores de todos os cantos do país interessados em impactar a aprendizagem de seus alunos.

Ferramentas, interações e benefícios para professores

ConectaLeP nasce um mês antes da celebração do Dia do Professor (15 de outubro), como uma forma de comemoração à data e um presente antecipado aos participantes. “A comunidade busca conectar, aproximar e promover um diálogo entre os docentes para que eles tenham a oportunidade de compartilhar projetos e práticas pedagógicas que estão fazendo a diferença no cotidiano e na formação dos estudantes, sobretudo com as constantes transformações que estão ocorrendo na Educação e na rotina escolar”, afirma Mariane.

A comunidade ConectaLeP reúne alguns recursos voltados à troca entre os participantes. Um deles é a vitrine de projetos, onde todos podem compartilhar suas práticas pedagógicas, inspirando os demais participantes, além de curtir e comentar os projetos cadastrados, desde a Educação Infantil ao Ensino Médio.

Além disso, a conversa entre os inscritos poderá ser feita por meio do fórum de discussão ou então pelo chat privado, onde será possível pesquisar os professores por nome, estado, cidade e/ou nível de ensino. Assim, caso alguém se interesse por uma prática, poderá entrar em contato com quem realizou para saber mais detalhes, ou então encontrar algum participante na mesma cidade para uma parceria.

Na comunidade, os professores também têm acesso aos benefícios já oferecidos pelo Ler e Pensar, como os cursos de formação continuada, que preparam os docentes para os desafios do setor educacional e os mantêm sempre atualizados com relação às práticas pedagógicas e aos objetivos do projeto. São cursos oferecidos na modalidade EAD e com certificados emitidos pela Universidade Tuiuti, parceira do Instituto GRPCOM e credenciada ao MEC.

Os participantes terão também acesso à Gazeta do Povo, aos canais de contato do Ler e Pensar, e aos materiais pedagógicos exclusivos, como as dicas pedagógicas, atualizadas semanalmente para servirem de inspiração para quem deseja colocar o LeP em prática. “E o mais legal é que tanto as dicas, quanto os projetos, poderão ser consultados filtrando por nível de ensino, campos de experiência, competências da BNCC e também pelos pilares Com, Pela e Para do Ler e Pensar”, acrescenta Mariane.

E para engajar ainda mais os professores, a ConectaLeP também contará com um ranking e medalhas para os professores que tiverem mais interações na comunidade. “Em alguns momentos também pretendemos oferecer reconhecimentos e premiações aos professores mais engajados”, conta Mariane, já dando um spoiler do que deve acontecer por lá.

Como participar da ConectaLeP?

Para participar da ConectaLeP, é necessário que o professor seja inscrito no projeto Ler e Pensar. Caso ainda não faça parte, basta preencher a inscrição no site do LeP, clicando aqui. A participação é gratuita e exclusiva a profissionais e professores da rede pública e básica de qualquer cidade ou estado do Brasil.

Desenvolvido desde 1999 pelo Instituto GRPCOM e pela Gazeta do Povo, o Ler e Pensar estimula, por meio de formações, o uso pedagógico do jornal, das mídias e das tecnologias digitais para promover a leitura, a cidadania e a alfabetização midiática. Em seus 22 anos de atuação, já beneficiou milhares de estudantes e professores de mais de 800 cidades brasileiras.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]