Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

PUBLICIDADE
  1. Home
  2. Ler e Pensar
  3. Um dia de bombeiro

Trânsito

Um dia de bombeiro

Alunos do município de Piên aprenderam na prática sobre os primeiros socorros a uma vítima de acidente de trânsito e a importância de respeitar a legislação

  • Piên
  • Instituto GRPCOM
Escola Municipal Alminda Antônia de Andrade vistou o Corpo de Bombeiros do município como prática de atividade do Ler e Pensar  |
Escola Municipal Alminda Antônia de Andrade vistou o Corpo de Bombeiros do município como prática de atividade do Ler e Pensar 
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

Apesar do esforço do Brasil com campanhas e leis mais rigorosas para a segurança no trânsito, os resultados ainda alarmam. A violência no trânsito faz quase 40 mil vítimas por ano no país. Além do impacto emocional, o impacto econômico também é evidente e preocupante: foram gastos 19 bilhões de reais com óbitos e feridos em 2015, valor superior à arrecadação de receita do Mato Grosso (R$ 16 bilhões), em 2016. Os dados são da quarta edição do “Retrato da Segurança Viária no Brasil”, organizado pela Ambev, em parceria com a consultoria Falconi. 

Com o objetivo de conscientizar e valorizar a vida no trânsito, envolvendo escola e a comunidade a professora Scheila de Andrade Sura, da Escola Municipal Alminda Antônia de Andrade, do município de Piên, trabalhou o tema com os alunos de 1° e 2° ano do ensino fundamental. O projeto "Trânsito legal a vida tem preferencial" foi criado a partir de matéria publicada no dia 21 de junho, na Gazeta do Povo. 

Além dos muros da escola 

Após trabalhar o assunto em sala de aula, uma das atividades foi a produção de uma carta para o Corpo de Bombeiros da cidade, solicitando uma palestra sobre cuidados e prevenções no trânsito. Na conversa, que foi marcada para o dia 26 de junho, os alunos puderam não só fazer perguntas aos bombeiros, como também vivenciaram na prática o trabalho deles, conhecendo os equipamentos utilizados para prestar os primeiros socorros a uma vitima de acidente de trânsito. 

“Um dos momentos que chamou a atenção e despertou a curiosidade dos alunos, foi conhecer o caminhão do Corpo de Bombeiros, fazendo também uma simulação de como apagar um incêndio”, contou Scheila. Ao retornar para a sala, a turma realizou um texto coletivo sobre o que aprenderam e como tarefa de casa, com a participação dos pais, tiveram que produzir ilustrações da visita. 

Para a professora, o trabalho com o Ler e Pensar trouxe como oportunidade formar cidadãos conscientes sobre um trânsito seguro, que amam e preservam as suas vidas, além da responsabilidade transferida às famílias. “Com a palestra os alunos não só aprenderam sobre os cuidados que devemos ter no trânsito e como evitar acidentes, como conscientizaram suas famílias. A partir do trabalho, os alunos cobraram que seus pais respeitem e sigam a legislação de trânsito”, reforçou a professora.

8 recomendações para você

deixe sua opinião

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE