Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

A organização Estado Islâmico do Iraque, vinculada à Al Qaeda, reivindicou nesta segunda-feira (11) a autoria do ataque ocorrido há uma semana contra um comboio militar na província iraquiana de Al-Anbar (oeste), no qual morreram 48 soldados sírios e nove iraquianos.

Em comunicado postado na internet, a organização terrorista explicou que começou a preparar o ataque depois que o Exército Livre da Síria (ELS) tomou o controle da passagem fronteiriça de Al Yarbia e soldados leais ao regime de Damasco se infiltraram em território iraquiano.

Esse atentado é o primeiro no qual morrem militares do regime de Bashar al Assad no Iraque desde que começou o conflito na Síria em março de 2011.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]