i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Colômbia

Após confuso incidente, 6 pessoas morrem asfixiadas em um bar de Bogotá

Luis Martínez, comandante da Polícia Metropolitana de Bogotá, confirmou que a asfixia das vítimas ocorreu devido à superlotação do local

  • PorEFE
  • 15/09/2013 18:24

Após um confuso incidente, que desencadeou uma fuga precipitada dos presentes, pelo menos seis pessoas morreram asfixiadas e outras duas ficaram feridas na madrugada deste domingo em um bar da capital colombiana, informaram fontes oficiais.

O comandante da Polícia Metropolitana de Bogotá, o general Luis Martínez, confirmou a morte das seis pessoas - cinco mulheres e um homem - e assinalou que a asfixia das vítimas ocorreu devido à superlotação do local. De acordo com o comandante, no momento do incidente, havia 300 pessoas no estabelecimento, três vezes acima da capacidade permitida.

Vários agentes se deslocaram ao lugar para averiguar uma denuncia sobre o horário de funcionamento do estabelecimento, que supostamente não era respeitado. No entanto, essa ação causou uma fuga em massa, além de um confronto entre frequentadores e policiais, disseram testemunhas.

"A Polícia chegou ao bar e começou a golpear a porta, além de lançar gases, e as pessoas começaram a se asfixiar", relatou à "Caracol Radio" a dona da casa noturna, Luz Marina de la Peña.

Em comunicado, o general Martínez indicou que a Polícia "expressa suas mais sentidas condolências" aos familiares das vítimas e que "afastou os policiais envolvidos na operação para garantir o desenvolvimento das investigações".

O prefeito de Bogotá, Gustavo Petro, lamentou a morte das seis pessoas e questionou a intervenção da polícia no bar, situado no populoso bairro Restrepo, no sul da capital colombiana.

Através do Twitter, Petro declarou: "Não pode ser que uma intervenção policial mate mais gente do que se não tivesse sido realizada. A falha está nos métodos de intervenção", enfatizou.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.