i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
terrorismo

Ataque atinge consulado dos EUA na Turquia

    • ISTAMBUL
    • Reuters
    • 10/08/2015 21:50
    Policiais isolam área após ataques de terroristas em Istambul | Huseyin Aldemir / Reuters
    Policiais isolam área após ataques de terroristas em Istambul| Foto: Huseyin Aldemir / Reuters

    Duas mulheres atiraram ontem contra o consulado dos Estados Unidos em Istambul e pelo menos oito pessoas foram mortas em uma onda de ataques contra forças de segurança turcas. A autoria dos ataques foi assumida pelo Partido da Frente Libertação Popular Revolucionária (DHKP-C), grupo de extrema esquerda considerado uma organização terrorista pelos EUA e pela Turquia. Em abril, membros do grupo mataram o promotor Mehmet Kiraz em um tribunal. Em 2013, o DHKP-C promoveu um ataque suicida à embaixada dos EUA em Ancara.

    A polícia isolou as ruas ao redor do consulado norte-americano, no distrito de Sariyer, no lado europeu de Istambul, após o ataque.

    De acordo com a agência de notícias estatal Anadolu, uma suspeita do ataque foi presa. Hatice Asik, de 42 anos, seria integrante do DHKP-C. Na internet, o grupo justificou a ação por considerar os Estados Unidos um “inimigo dos povos do Oriente Médio”. As oito mortes, de policiais ou atiradores, ocorreram em vários pontos do país.

    A Turquia está em estado de alerta desde que entrou na luta contra o grupo Estado Islâmico (EI) na Síria e militantes do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) no Iraque. Ontem, rebeldes curdos da província de Sirnak atiraram contra um helicóptero militar que transportava recrutas do Exército, matando um dos ocupantes da aeronave.

    Deixe sua opinião
    Use este espaço apenas para a comunicação de erros
    Máximo de 700 caracteres [0]

    Receba Nossas Notícias

    Receba nossas newsletters

    Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

    Receba nossas notícias no celular

    WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.