Bordel em Berlim está oferecendo desconto para os clientes que vão de bicicletas até o estabelecimento | Reprodução/Berliner Kurier
Bordel em Berlim está oferecendo desconto para os clientes que vão de bicicletas até o estabelecimento| Foto: Reprodução/Berliner Kurier

Para diminuir os efeitos da poluição e da própria crise econômica, um bordel em Berlim, na Alemanha, está oferecendo desconto para os clientes que vão de bicicletas até o estabelecimento, segundo o jornal "Berliner Kurier".

"A recessão atingiu duramente nosso negócio", disse Thomas Goetz, proprietário do bordel "Maison d'envie". "Obviamente, nós esperamos que o desconto atraia mais pessoas", acrescentou ele. "É bom para o negócio, é bom para o meio ambiente e é bom para as garotas".

Os clientes que chegam de bicicleta ou aqueles que comprovarem que usaram o transporte público vão ganhar 5 euros de descontos sobre a taxa habitual de 70 euros para 45 minutos de sessão, disse Goetz à agência Reuters.

"Nós temos cerca de três a cinco novos clientes que vêm diariamente aproveitar o desconto", disse ele, acrescentando que a bonificação verde tem ajudado a aliviar o trânsito e o acúmulo de estacionamentos lotados na vizinhança.

A Alemanha é um dos poucos países no mundo onde a prostituição é legal. O país conta com cerca de 400 mil prostitutas, que, desde 2002, possuem permissão de trabalharem com contratos formais.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]