i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Eleições nos EUA

Debates pesam a favor de Obama, afirma pesquisa

Percepção do eleitor sobre democrata alterou positivamente após os dois primeiros encontros entre os presidenciáveis

  • PorSérgio Dávila
  • 14/10/2008 21:01
Alunos da Universidade de Hofstra participam de ensaio para o debate | Paul J. Richards/AFP
Alunos da Universidade de Hofstra participam de ensaio para o debate| Foto: Paul J. Richards/AFP
  • Veja o McCain vai ao debate precisando da vitória

Washington - Barack Obama e John McCain se encontram hoje para o terceiro e último debate presidencial, que acontece na Universidade Hofstra, em Hempstead, cidade a 40 minutos de Manhattan, com mediação do jornalista Bob Schieffer, da CBS. O encontro começa às 21 h (22 h de Brasília), durará 90 minutos e será transmitido no Brasil pela CNN, GloboNews, BandNews e Record News.

Os debates têm feito a diferença nessa eleição. Essa é a conclusão de duas pesquisas recentes, uma do renomado Pew Research Center, outra de levantamento publicado na segunda-feira pelo jornal Washington Post e a emissora ABC. Segundo ambos os estudos, os encontros modificam a percepção do eleitor, e a mais beneficiada até agora tem sido a chapa democrata.

Palavra-chave

O primeiro estudo pediu que os eleitores definissem os dois cabeças-de-chapa com uma palavra após o primeiro debate. Para 50% dos ouvidos, a primeira palavra relacionada a Obama foi "confiante’’, com "inexperiente’’ vindo em segundo lugar, 21 pontos porcentuais atrás. A colocação era a inversa em pesquisas pré-debate feitas pelo instituto em fevereiro, abril e até no começo de setembro.

A impressão é confirmada pelo levantamento de segunda-feira do Post/ABC. Dos ouvidos pela pesquisa, 32% disseram que têm uma impressão mais favorável de Obama depois dos dois debates, ante 8% que disseram ter uma impressão pior. Com McCain, ocorreu o oposto: 26% pioraram a imagem que fazem dele, ante 12% que melhoraram.

Um dos motivos apontados pelos ouvidos são justamente os ataques pessoais. Para 68% dos ouvidos, Obama vem se dedicando mais a explicar suas posições, ante 26% que acham que ele gasta o tempo atacando o oponente. O inverso é verdade para os que julgam McCain: 59% acham que o republicano passa o tempo atacando seu oponente, ante 35% que o vêem explicando posições.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.