i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Eleições nos EUA

Mil eleitores são investigados por votar duas vezes nas primárias da Geórgia

  • PorMairead McArdle
  • National Review
  • 09/09/2020 09:26
votação correio eua
Autoridades eleitorais esperam uma grande votação por correspondência em 2020 por causa da pandemia| Foto: Logan Cyrus/AFP

Mil eleitores estão sendo investigados por votar duas vezes nas primárias do estado da Geórgia, nos EUA, informou o secretário de Estado, Brad Raffensperger, na terça-feira (8).

Esses moradores da Geórgia votaram por correio e depois votaram pessoalmente no dia da primária, em 9 de junho, disse Raffensperger, acrescentando que eles serão processados "​​em toda a extensão da lei", segundo o Atlanta Journal-Constitution.

Dos mil eleitores que votaram duas vezes, 58% solicitaram cédulas democratas, de acordo com o gabinete de Raffensperger. A Geórgia não oferece a opção de afiliação a um partido político durante o registro eleitoral, o que significa que os eleitores que desejam votar nas eleições primárias devem solicitar uma cédula republicana ou democrata.

“Enquanto a investigação ainda está em andamento, os resultados iniciais mostram que das cédulas partidárias em questão, aproximadamente 58% eram cédulas democratas”, disse um porta-voz do Secretário de Estado da Geórgia em um comunicado ao National Review.

O secretário de Estado disse que o procurador-geral da Geórgia e os promotores locais avaliarão se devem apresentar acusações contra os eleitores caso a caso.

“Um eleitor que vota duas vezes sabe exatamente o que está fazendo, diluindo os votos de cada eleitor que segue a lei”, disse Raffensperger em entrevista coletiva. “Aqueles que optam por burlar o sistema estão infringindo a lei. E como secretário de Estado, não vou tolerar isso”.

Na Geórgia, votar duas vezes é um crime que acarreta de um a 10 anos de prisão e uma multa de até US$ 100 mil.

Cerca de 150.000 residentes da Geórgia que solicitaram cédulas de ausente compareceram posteriormente às seções eleitorais durante as primárias do estado para votar pessoalmente, muitos porque nunca receberam sua cédula ou mudaram de ideia e optaram por votar pessoalmente. No entanto, 1.000 desses eleitores já haviam enviado seu voto pelo correio e foram autorizados pelos funcionários eleitorais a votar novamente, embora os votos duplos não tenham alterado o resultado de nenhuma eleição primária, disse Raffensperger.

Cerca de 1,15 milhão de eleitores da Geórgia votaram por cédula ausente durante as primárias e até agora 900.000 solicitaram cédula ausente para as eleições gerais de 3 de novembro.

O anúncio ocorre no momento em que legisladores, analistas e ativistas democratas e republicanos alertam o público sobre o potencial de complicações e longos atrasos na contagem dos resultados finais das eleições gerais de novembro devido a um aumento massivo na votação por correio, por causa da pandemia.

O presidente Donald Trump sugeriu, no início deste mês, que os eleitores deveriam tentar votar duas vezes para testar o sistema de votação pelo correio, que, segundo ele, abre brechas para fraudes eleitorais se um grande número de pessoas registrar seu voto desta maneira.

“Deixe-os enviar e votar, e se o sistema deles for tão bom quanto dizem, então obviamente eles não poderão votar”, disse Trump. “Se não estiver computado [o voto], eles poderão votar. E é isso que eles devem fazer”.

© 2020 National Review. Publicado com permissão. Original em inglês.

4 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 4 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.

  • J

    JJP

    ± 0 minutos

    democratas = petistas, tudo vigarista

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • R

      Rodrigo

      ± 2 horas

      O sistema da urna eletrônica é ridiculamente simples e totalmente eficaz. Não há sistema melhor, mas nós brasileiros não estamos acostumados a termos acertado algo, não percebemos isso.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      1 Respostas
      • Z

        Zyss

        ± 2 horas

        Kkkkkk Jesus cristo, como o brasileiro é um analfabeto convicto

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

    • N

      Neto

      ± 3 horas

      Não sei o que é mais absurdo: votar pelo correio (onde se pode vender o voto) ou voto presencial obrigatório durante uma pandemia.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      Fim dos comentários.