As Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia), que negociam com o governo da Colômbia um acordo de paz em Havana, anunciaram ontem na capital cubana um cessar-fogo unilateral de 30 dias, a partir do próximo domingo, dia 15.

A declaração vem um dia depois de um ataque a uma delegacia de polícia de Inzá, no sudoeste da Colômbia, que matou oito pessoas e deixou 20 feridas.

No ano passado, e já em meio às negociações em Cuba, as Farc já haviam declarado cessar-fogo unilateral durante as festas de fim de ano. Ontem, a guerrilha disse também esperar que o governo retribua também oferecendo paz, o que é improvável, já que a decisão de Bogotá é seguir o diálogo sem afrouxar a ofensiva militar.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]