Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

Phoenix – Seguranças da maior estação nuclear dos Estados Unidos, a usina de Palo Verde, no estado do Arizona, detiveram ontem um funcionário que tentava entrar com um pequeno artefato explosivo no porta-malas de seu carro.

De acordo com o porta-voz da Comissão de Regulação Nuclear da usina, Victor Dricks, o funcionário foi parado e detido na entrada. Após o ocorrido, oficiais de segurança fecharam o estabelecimento, impedindo a entrada e a saída de qualquer pessoa.

As autoridades descreveram o artefato como um pequeno cano contendo um resíduo suspeito. O objeto está sendo investigado e o funcionário está sendo interrogado pela polícia.

"Nossos seguranças agiram com cautela e da maneira correta, demonstrando que nossos procedimentos de segurança funcionam", disse Randy Edington, chefe do escritório de operações da Arizona Public Service Co, que distribui a energia da usina para os estados do Arizona, New Mexico, Texas e California.

De acordo com o porta-voz da Palo Verde, Jim McDonald, não há risco de incidentes maiores na usina e a estação está operando normalmente. Palo Verde fica a 800 quilômetros de Phoenix, cidade do Arizona com 1,5 milhão de habitantes.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]