Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Bo Xilai (ao microfone) é julgado na China | Reuters/China Central Television (CCTV)/Reprodução
Bo Xilai (ao microfone) é julgado na China| Foto: Reuters/China Central Television (CCTV)/Reprodução

O julgamento do ex-político chinês Bo Xilai por crimes de corrupção, que começou nesta quinta-feira (22) na cidade de Jinan, é o primeiro a ser transmitido oficialmente pela internet.

Apesar da grande quantidade de jornalistas que foram até o local da audiência, a maioria das pessoas só poderá acompanhar o processo por meio da conta que o tribunal abriu no Weibo, a versão chinesa do Twitter.

Nesta página o tribunal atualiza a cada poucos minutos o que ocorre na sala onde Bo está sendo julgado. Segundo a televisão estatal "CFTV", 110 pessoas entraram no tribunal, entre elas 19 jornalistas e cinco familiares do acusado.

A expectativa que o julgamento despertou é tanta que o site do tribunal, aberto especialmente para a ocasião, teve mais de 150 mil visitas em cinco horas. A audiência foi o segundo tema mais comentado na rede social chinesa.

Entre todas as atualizações, a de maior popularidade foi a publicação de uma fotografia de Bo Xilai na sala, a primeira imagem do ex-líder divulgada em mais de um ano, quando foi preso em Pequim. A imagem do famoso ex-político foi compartilhada 38.339 vezes em pouco mais de uma hora.

Enquanto ontem a censura limpou comentários a favor de Bo, hoje foram permitidas algumas opiniões favoráveis a ele.

"Quando estava em Chonqging (cidade que o ex-político governou), tratava verdadeiramente bem o povo. Sabemos disso. É triste ver esta cena", disse um internauta.

Ao contrário da cobertura pela internet, os meios de comunicação chineses, inclusive em inglês, dedicam pouco espaço ao julgamento de Bo Xilai.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]