Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Na capital Ottawa, onde manifestantes estão concentrados desde 29 de janeiro, prefeitura decretou estado de emergência
Na capital Ottawa, onde manifestantes estão concentrados desde 29 de janeiro, prefeitura decretou estado de emergência| Foto: EFE/EPA/ANDRE PICHETTE

A Agência de Serviços de Fronteiras do Canadá informou nesta terça-feira (8) que a passagem mais movimentada da fronteira terrestre entre Estados Unidos e o território canadense foi obstruída por manifestantes contrários aos passaportes vacinais.

Segundo informações do Washington Post, a Ambassador Bridge, ponte que liga Windsor, na província canadense de Ontário, a Detroit, no estado americano do Michigan, foi “temporariamente fechada” para passageiros e tráfego comercial.

O Departamento de Transportes de Michigan confirmou a informação no Twitter e orientou os motoristas para que busquem alternativas.

Nas últimas semanas, caminhoneiros estão realizando grandes protestos no Canadá devido à exigência de vacinação completa contra a Covid-19 para profissionais que atuam no transporte terrestre de cargas em rotas transnacionais.

Além dos bloqueios em rodovias, manifestantes permanecem na capital canadense, Ottawa, desde o dia 29 de janeiro, onde os protestos ganharam adesão de pessoas contrárias a outras ações do governo do primeiro-ministro Justin Trudeau durante a pandemia.

No domingo (6), a prefeitura de Ottawa declarou estado de emergência por causa dos protestos. Os manifestantes afirmaram que só vão se dispersar se todos os passaportes vacinais no Canadá forem revogados.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]