i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Clima

Onda de frio polar chega à Itália com nevascas e baixas temperaturas

No Vale da Aosta, no norte do país, temperatura chegou a 21 graus negativos. Até na ilha da Sicília, no Sul, foram registradas nevascas

  • PorEFE
  • 01/02/2012 17:08

A onda de frio polar que está afetando grande parte da Europa chegou à Itália, onde nas últimas horas foram registradas intensas nevascas, principalmente nas regiões setentrionais, assim como uma baixa drástica das temperaturas em todo o território.

Nas regiões nortistas do Vale de Aosta, Trentino-Alto Adige, Friul-Veneza Giulia, Piemonte (cuja capital é Turim) e Lombardia (capital Milão), a neve provocou interrupções em estradas e ferrovias.

No Vale de Aosta a temperatura atingiu 21 graus negativos, e no Vêneto, o vento forte evitou, até o momento, as grandes nevascas das outras regiões do norte.

Também nevou nas regiões centrais da Toscana, Emília-Romanha e Las Marcas, e as previsões meteorológicas indicam nevascas em Roma entre esta quinta (2) e sexta-feira (3), inclusive em Nápoles.

Já Milão despertou nesta quarta-feira (1º) coberta de neve, porém os serviços públicos continuam funcionando normalmente; em Turim o tráfego ferroviário foi suspenso devido ao gelo e em Bolonha as escolas foram fechadas até sábado (4), informou a imprensa italiana.

A neve não apareceu só na parte norte do país, mas também foram registradas nevascas no sul, como, por exemplo, na ilha da Sicília. Na cidade siciliana de Messina uma criança morreu depois que o carro no qual viajava com sua mãe foi levado por uma enchente.

A neve também caiu em alguns trechos da estrada sulina que une Salerno, na região de Campânia, à capital calabresa, Reggio Calabria, principalmente na área de Potenza.

As difíceis condições meteorológicas obrigaram, além disso, a suspender o serviço de navios que ligam a península à ilha toscana de Giglio, onde o cruzeiro Costa Concordia naufragou no dia 13 de janeiro.

O serviço florestal italiano advertiu sobre o risco de avalanches nos Alpes, ao norte do país, e na cordilheira central dos Apeninos.

Os jogos da 21ª rodada do Campeonato Italiano, do Siena contra o Catania e do Bologna contra o Fiorentina, que seriam realizados nesta quarta-feira foram adiados, e na terça-feira Parma e Juventus também não puderam jogar por causa da neve.

ebp/ms-rsd

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.