Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Líderes da Otan
Primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, e primeiro-ministro britânico, Boris Johnson conversam durante reunião da Otan| Foto: Yui Mok / POOL / AFP

O vídeo de uma conversa informal entre o primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, o premiê britânico, Boris Johnson, e o presidente francês, Emmanuel Macron, durante um jantar da cúpula da Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte) nesta terça-feira (3) viralizou nas redes sociais. O motivo? Muitos espectadores concluíram que os três estavam rindo do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, pela longa coletiva de imprensa que o americano havia concedido na manhã daquele mesmo dia.

A gravação foi feita durante um jantar de recepção no Palácio de Buckingham, em Londres, e divulgada na noite de terça-feira com legendas pelo programa Power & Politics, da Canadian Broadcasting Company. Durante a conversa informal entre os líderes, o nome de Trump não é mencionado. Primeiro, Johnson pergunta a Macron: "Foi por isso que chegou tarde?"

Trudeau intervém: "Chegou tarde porque é uma coletiva de imprensa de 40 minutos pelo menos". Macron aparece falando em seguida, mas como está de costas para o vídeo não é possível ouvir o que ele diz. O vídeo é cortado e Trudeau fala novamente: "Você só via os assessores dele com os queixos caindo no chão". Johnson e Macron parecem rir, mas o que dizem em seguida não pode ser ouvido no vídeo. Também estavam participando da conversa a princesa Anne, filha da rainha Elizabeth II, e o primeiro-ministro holandês, Mark Rutte.

Horas antes da recepção, Trump havia se encontrado individualmente com Trudeau e Macron. Segundo o Washington Post, ele entrou em conflito com o presidente francês e alfinetou o primeiro-ministro canadense por causa da contribuição do Canadá à Otan.

Conteúdo editado por:Isabella Mayer de Moura
6 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]