O parlamento do Kosovo destituiu o governo do primeiro-ministro, Hashim Thaci, num voto de não-confiança, pavimentando o caminho para a convocação de novas eleições no país dentro de 45 dias. A votação teve 66 votos a favor e um contra para derrubar o governo de Thaci, que declarou independência da Sérvia em 2008, e dissolver 120 cadeiras da Assembleia do país.

O presidente interino do Kosovo, Jakup Krasniqi, determinará a data para as eleições gerais. O pleito deverá ser realizado em meados de dezembro.

O voto de não-confiança ocorre após a decisão do principal partido de coalizão de Thaci, a Liga Democrática do Kosovo (LDK) deixar o governo. As informações são da Associated Press.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]