i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Resgate

Premiê do Japão visita Hiroshima após deslizamentos

As chuvas se intensificaram na região, o que está dificultando as buscas e provocando novos deslizamentos e outras partes do Japão

  • PorAgência Estado
  • 25/08/2014 04:48
Primeiro-ministro japonês visita a área atingida em Hiroshima | Reuters/Kyodo
Primeiro-ministro japonês visita a área atingida em Hiroshima| Foto: Reuters/Kyodo

O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, está visitando Hiroshima nesta segunda-feira (25) para acompanhar as buscas na operação de resgate após os deslizamentos que atingiram a região e mataram ao menos 50 pessoas. O premiê interrompeu suas férias de verão, mas foi alvo de críticas pela mídia japonesa por ter continuado um jogo de golfe após tomar conhecimento sobre os desastres.

As chuvas se intensificaram na região, o que está dificultando as buscas e provocando novos deslizamentos e outras partes do Japão. A Agência de Gestão de Desastres divulgou hoje que duas mulheres morreram após o desabamento de uma colina no norte da ilha de Hokkaida.

Em Hiroshima, 38 pessoas ainda estão desaparecidas após os temporais que atingem a cidade do dia 20 de agosto. Fonte: Associated Press.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.