Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, ordenou que milhares de tropas perto da fronteira com a Ucrânia retornem às suas bases. O porta-voz Dmitry Peskov disse a veículos de informação ontem no fim do dia que aproximadamente 17.600 tropas devem seguir as ordens e recuar de Rostov, onde insurgentes pró-Rússia têm lutado contra tropas do governo ucraniano desde abril.

O Kremlin tem argumentado que essas tropas participam de exercícios militares, mas a Ucrânia e governos ocidentais acusam a Rússia de armar e treinar os insurgentes.

Em outras ocasiões nas quais a Rússia pediu o recuo de suas tropas, a Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) verificou que os movimentos não chegaram a ocorrer de fato.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]