i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Assuntos do dia

Aras vai investigar Bolsonaro. O “novo” ministro da Saúde. E a nova teoria sobre o surgimento da Covid

  • 17/09/2020 07:00
fim da Lava Jato
O presidente Jair Bolsonaro e Augusto Aras no dia da posse do procurador-geral da República| Foto: LeonardoPrado/Secom / PGR

Para começar esse resumo de notícias. Em petição enviada pelo procurador-geral da República, Augusto Aras, ao Supremo Tribunal Federal (STF), a PGR informou que irá investigar indícios de rachadinhas no antigo gabinete de Jair Bolsonaro, de quando o presidente ainda era deputado federal, entre 1991 e 2018. Correspondente da Gazeta do Povo em Brasília, Wilson Lima explica o que Aras se propôs a investigar.

Conexões. O senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) já é alvo de investigação por uso de ex-funcionários comissionados para desvios de dinheiro público, no conhecido Caso Fabrício Queiroz. O ex-assessor do filho do presidente é suspeito de liderar um esquema de devolução de parte dos salários de servidores, quando Flávio era deputado estadual do RJ. No caso do presidente, a PGR avalia se há elementos que indiquem atos ilícitos. Nosso correspondente revela as possíveis conexões entre as suspeitas contra Flávio e Jair Bolsonaro e por que a filha de Queiroz pode ser o elo entre as “rachadinhas”.

Outra investigação. Líder do governo na Câmara, Ricardo Barros (PP-PR) é alvo de investigação por suspeitas de propina. O escritório do deputado em Maringá (no Noroeste do Paraná) foi alvo de uma operação busca e apreensão do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público do Paraná, com o apoio da Polícia Civil. De Curitiba, Roger Pereira traz detalhes das acusações contra Barros.

Utilidade pública

“Novo ministro” e atualização Covid-19. Após quatro meses como ministro da Saúde interino, o general Eduardo Pazuello foi efetivado no cargo em cerimônia no Palácio do Planalto; veja como foi. No evento, Bolsonaro voltou a defender o uso da hidroxicloroquina contra o coronavírus e criticou o fechamento das escolas. Já Pazuello destacou o número de recuperados da doença, atualmente em 3,7 milhões segundo o último boletim do Ministério da Saúde. O país acumula 4.416.083 casos confirmados e134.106 mortes. Em 24 horas, foram registrados 36.820 diagnósticos e 987 óbitos.

Surgimento da Covid-19. Em um artigo não revisado por colegas, uma virologista chinesa concluiu que o Sars-CoV-2, o novo coronavírus, foi criado em laboratório. Ela era pesquisadora da Escola de Saúde Pública da Universidade de Hong Kong, mas fugiu da China após divulgar sua teoria. Entenda melhor os argumentos da cientista. Ainda em abril, o Instituto de Virologia de Wuhan negou ser a fonte do vírus. Wuhan é a cidade onde houve o primeiro surto do novo coronavírus no planeta.

Política e economia

Aviso prévio no MP. Após uma sequência de pedidos de dispensa de procuradores de forças-tarefas como a Lava Jato, o PGR Augusto Aras passou a exigir, desde segunda-feira (14), uma espécie de “aviso prévio” para esse tipo de baixas. De Brasília, a correspondente Kelli Kadanus explica o que os procuradores pensam da nova atitude de Aras. Por falar em saída, nesta quarta (16), o ex-procurador chefe da Lava Jato em Curitiba Deltan Dallagnol se despediu da operação pelas redes sociais.

Novo Renda Brasil? Após o presidente Jair Bolsonaro cancelar a criação do Renda Brasil, o relator da proposta do Orçamento de 2021 enviada pelo governo ao Congresso, senador Márcio Bittar (MDB-AC), parece ter convencido o presidente a incluir um novo programa social no orçamento. Veja o que se sabe sobre o “Novo Renda Brasil” e aproveite para entender na reportagem de Fernanda Trisotto o que há na proposta de reforma administrativa costurada no Congresso, que promete reduzir privilégios.

Giro pelo mundo. Nos Estados Unidos, o furacão Sally atingiu parte do litoral da Flórida e do Alabama, no Golfo do México, provocando inundações. Na América do Sul, EUA e Colômbia anunciaram a retomada de exercícios militares conjuntos. Na Venezuela, uma missão da ONU concluiu que o ditador Nicolás Maduro e seus ministros cometeram crimes contra a humanidade.

O que mais você precisa saber hoje

Colunas e artigos

Professores e alunos. Os colunistas Rodrigo Constantino e Polzonoff falam sobre ensino. No blog de Constantino, ele pede o retorno das aulas com a suspensão da doutrinação. Já Polzonoff dedica sua nova crônica à professora que o alfabetizou e argumenta que os professores sequestraram o Brasil e prenderam o país à algema do sentimentalismo. Como o assunto é educação, o colunista Pedro Menezes pergunta: Que nota seu prefeito tirou no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica, o Ideb?

Caçando Mitos Socialistas.  Alguns dizem que o socialismo não deu certo em nenhum lugar porque foi supostamente “deturpado” ou que países nórdicos são exemplos que a vertente funciona. Veja aqui esse e outros mitos socialistas caírem por terra. Ainda sobre a esquerda, a doutora em filosofia Bruna Frascolla revela que o herói esquerdista chileno Salvador Allende criou uma lei eugenista inspirada no nazismo. Entenda melhor essa história com um conjunto  de relatórios que relembra 50 anos da ordem do então presidente dos EUA Richard Nixon para derrubar Allende.

Nossa visão

Editorial. A equipe econômica de Paulo Guedes promete ainda para setembro a segunda fase da reforma tributária. As propostas incluiriam desoneração da folha de pagamento, aumento na faixa de isenção do Imposto de Renda e o novo imposto sobre pagamentos, semelhante à antiga CPMF. Tema para o novo editorial da Gazeta do Povo: A reforma tributária “fatiada” e seus problemas.

Partindo do pressuposto de que o governo não quer abrir mão de carga tributária total, e a sociedade não aceitará aumento dessa mesma carga, caso alguma mudança sugerida agora aumente ou reduza a arrecadação, não há como bem avaliar a proposta sem ter ideia de onde virá a compensação, para mais ou para menos.

Para inspirar

A importância do elogio. Você sabia que palavras afirmativas contribuem no desenvolvimento da criança? A repórter Raquel Derevecki, da equipe Sempre Família da Gazeta do Povo, ouviu uma especialista que mostra como a comunicação pode afetar positivamente a evolução da criança.

Tenha um ótimo dia!

2 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 2 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • M

    Manoel Cesar Romero

    ± 2 dias

    O Aras deveria investigar as denúncias que a TV Record esta fazendo contra a Rede Globo, com uma riqueza de detalhes impressionante. Deveria também investigar a rede de TV Record, BAND, CNN e outras que não são flôres que se cheiram? Ulha

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • J

    Jonsimar Tadeu Catapan

    ± 2 dias

    Tivessem investigado cada segundo do Lula e da Dilma como "ficam de olho" em cima do Bolsonaro, hein?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]