Ministro Gilmar Mendes durante sessão do STF.
Ministro Gilmar Mendes durante sessão do STF.| Foto: Fellipe Sampaio/STF

Para começar este resumo de notícias. Por enquanto, tudo igual no julgamento da Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) que analisa a suspeição do ex-juiz Sergio Moro nos casos que envolvem o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na Lava Jato. Com dois votos pela suspeição e dois no sentido oposto, o julgamento desta terça-feira (9) foi interrompido pelo pedido de vista do ministro Kassio Nunes Marques. Veja como votaram os membros da Corte. O processo foi incluído na pauta de última hora a pedido do ministro Gilmar Mendes, em resposta à decisão de Edson Fachin que anulou as condenações de Lula. Wesley Oliveira explica o que está por trás do julgamento.

Polêmicas. O ato de Fachin, que surpreendeu os meios jurídico e político pelo seu impacto, é mais uma polêmica para a coleção que o ministro vem juntando nos últimos meses com suas declarações públicas. De Lula candidato a repreensão a general, Rodolfo Costa elenca algumas dessas polêmicas.

O que vem pela frente. A nova interrupção do julgamento deu novo fôlego para que Moro e o Ministério Público Federal reajam ao ataque à Lava Jato. Olavo Soares mostra como fica o processo e o que pode acontecer daqui para frente.

Utilidade pública  

Gasolina a mais de R$ 5. Com o sexto aumento do ano nas refinarias passando a valer nesta terça, o preço da gasolina em 20 estados já passa de R$ 5 o litro. Algo que não era registrado desde 2011. Segundo levantamento da empresa Ticket Log, realizado em 18 mil postos do país, o preço mais alto foi verificado no Acre, enquanto o mais barato está no Amapá. Saiba mais.

Situação crítica. O estado do Paraná é, disparado, o que apresenta a maior taxa de transmissão da Covid-19 no país atualmente. Segundo a plataforma Farol Covid, o estado teve no intervalo de sete dias, média de 96,94 infecções por 100 mil habitantes. A fila por um leito para tratamento da doença ultrapassou a marca de mil pessoas e, mesmo que não fosse registrada mais nenhuma infecção, levaria um mês para ser zerada. Em Brasília, o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), pediu ajuda ao governo chinês para o envio de insumos e vacinas.

Atualização. O Brasil registrou mais um recorde no número diário de mortes por Covid-19. Foram mais 1.972 óbitos, segundo o boletim do Ministério da Saúde, e 70.764 novos casos da doença. Ao todo, o Brasil já contabiliza 11.122.429 diagnósticos positivos, com 268.370 óbitos e 9.843.218 recuperados.

Política e economia

Protestos e greve. Policiais e outros servidores da segurança pública ameaçam realizar protestos nesta quarta-feira (10). Membros da União dos Policiais do Brasil (UPB) dizem que foram traídos pelo presidente Jair Bolsonaro, que teria prometido que a categoria seria poupada na PEC Emergencial. Servidores da Dataprev, responsável pelo processamento de pagamentos como os de benefícios do INSS e do auxílio emergencial, entraram em greve em alguns estados após falta de acordo na negociação coletiva com a empresa pública.

Política nas universidades. Uma decisão do Ministério da Educação reacendeu o debate sobre liberdade de expressão acadêmica. Na semana passada, após orientar universidades federais a punir atos político-partidários, o MEC voltou atrás e cancelou o ofício com a recomendação. Isabelle Barone ouviu especialistas sobre essa polêmica e mostra que tipo de ações podem ser tomadas para evitar o proselitismo político em sala de aula.

Giro pelo mundo. Se a Alemanha se mostrou um exemplo no controle da pandemia do coronavírus, o mesmo não se pode dizer da vacinação. Entenda por que o país está sendo criticado pela lentidão na imunização. No Paraguai, o presidente Mario Abdo Benítez busca apoio para tentar conter os protestos e evitar um processo de impeachment. E o Palácio de Buckingham se pronunciou sobre as denúncias de racismo na família real feitas por Meghan Markle.

O que mais você precisa saber hoje

Pandemia. Decretos sanitários: o Estado pode cercear o direito de ir e vir?

História. “Onde se queimam livros, também queimam pessoas”: A fogueira nazista que incendiou 20 mil livros

Código Penal. Projeto que criminaliza a prática de stalking é aprovado no Senado

EUA. Governador do Arkansas sanciona lei estadual que restringe aborto no estado

Colunas e artigos

Eça de Queiroz racista? Seria a obra maior de um dos mais importantes escritores da língua portuguesa racista? João Pereira Coutinho analisa a polêmica recente sobre “Os Maias”, de Eça de Queiroz. Jarrett Stepman, do Daily Signal, mostra que alguns progressistas não aguentam mais a cultura do cancelamento. E você prefere tomar seu cafezinho com ou sem açúcar? Bruna Frascolla faz uma análise sociológica bem-humorada dessa polarização.

Nossa visão

Suspeição de Moro. A caixa de Pandora que o Supremo Tribunal Federal abriu há muito tempo e que permite todo tipo de decisão para minar os resultados da Operação Lava Jato teve mais um episódio nesta terça-feira, quando a Segunda Turma julgou o que passou a ser uma inexistência: a suspeição do ex-juiz federal Sergio Moro. Tema para o nosso novo editorial: O circo e a suspeição.

Fachin errou grosseiramente ao anular os processos contra Lula, mas tão evidente quanto o fato de as denúncias e sentenças desses processos desmentirem sua argumentação é o fato de que, concorde-se ou não com essa decisão, uma vez anulados os processos, qualquer recurso impetrado dentro deles também se torna nulo. Na prática, é como se não existisse – no jargão jurídico, houve o que se chama “perda de objeto” –, e isso se aplica perfeitamente ao habeas corpus que pretendia declarar Moro suspeito ao julgar Lula.

Para inspirar

Gorjeta generosa. Já imaginou trabalhar como entregador e, em um belo dia, receber uma gorjeta de mil dólares? Pois foi o que aconteceu com um trabalhador nos Estados Unidos, agraciado por seu trabalho na pandemia. A equipe do Sempre Família conta essa história. Tenha um ótimo dia!

3 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]