Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

Se não bastassem os políticos pagarem passagens aéreas aos familiares, agora agradam os aliados e assessores com comida paga com dinheiro público. Enquanto gastam um dinheirão com refeição para os colegas, grande parte da população não ganha nem metade disso com o salário mínimo.

Felipe Nakatani

Boca- livre de deputados 2

Li a matéria intitulada "Boca-livre oficial" (Gazeta, 09/3) e, primeiramente, parabenizo a iniciativa do vídeo que pode ser acessado na versão on-line da reportagem. O vídeo ficou muito didático, as explicações foram claras e ficou bem mais fácil entender o assunto. No entanto, senti falta de saber como é o site das assembleias legislativas do Paraná e de São Paulo. Com esses recursos gráficos vocês poderiam ter ganhado muito no quesito explicação.

Iara Maggioni

Boca-livre de deputados 3

Os gastos com refeições de deputados e aliados devem ser proibidos. Esse tipo de situação é um descaso ao erário público, que não deve ser jogado pelo ralo. Um representante legislativo que toma tal ação não é digno de estar na Assembleia

Jorge Luiz Ampessan

Campanha da fraternidade

À Igreja Católica resta lançar a campanha da fraternidade para a conscientização. O desrespeito do ser humano contribui para a degradação ambiental acelerada. O desperdício e mau uso dos recursos naturais, o errado descarte de lixo e outros resíduos, o aumento de gases emitidos para a atmosfera e o desmatamento descontrolado são apenas alguns exemplos de desenvolvimento insustentável. A campanha deve chamar a atenção das autoridades e os políticos em geral, uma vez que a Igreja Católica representa em nosso país mais de 135 milhões de fiéis.

Valdomiro Nenevê, São José dos Pinhais

Origem do universo 1

Quero cumprimentá-los pela abordagem na matéria "Entre a cruz e o tubo de ensaio" (Gazeta, 08/3) com o tema origem do universo. Entendo que a escola tem um papel fundamental na formação do indivíduo para o desenvolvimento do cidadão, instigando o pensamento e a formação de opinião através do conhecimento. Conhecimento este que conflita em duas áreas: ciência e religião. Dois pontos controversos, porém necessários para a vida da humanidade. Nossos filhos devem debater em sala de aula de forma democrática e sem intervenção preconcebida de seus mestres.

Paulo Everaldo Duarte

Origem do universo 2

Os temas polêmicos que são ministrados nas salas de aula e envolvem o embate entre religião e ciência devem ser especialmente tratados para que os lados da questão sejam apresentados com imparcialidade. A partir disso, a criança, com uma visão holística das coisas pode decidir no que acreditar. Vale lembrar que todas as teorias de criação do mundo são válidas até que provadas o contrário, ou alguma reconhecida como verdadeira.

Felipe Nakatani

Terreno baldio 1

Parabéns à prefeitura de Curitiba pela medida que vem tomando de multar os proprietários que não cuidam do terreno (Gazeta, 09/3). Espero que continue notificando, fechando com muros e, principalmente, mandando a conta aos proprietários.

Dionisio Francisco Grabowski

Terreno baldio 2

Parece que a única maneira de o povo brasileiro cuidar do meio ambiente é através de multas. Parece que o lixo já está incorporado à paisagem curitibana.

Marcos Eurich

Investimentos na capital 1

Para quem tem olhos para ver é mais fácil enxergar o abandono de Curitiba nos últimos dez anos. Quem anda de ônibus sabe do que falo. Quem mora no Boqueirão, no Cajuru, em Tatuquara, ou em qualquer bairro de periferia dessa bela cidade sabe que falta investimento. Quem precisa de creche ou quem vai a uma unidade de saúde também.

João Santiago, teólogo

Investimento na capital 2

Gostaria de saber quais variáveis o Dieese utilizou para chegar nestes dados mostrados na matéria "Nível de investimentos põe Curitiba entre as piores capitais" (Gazeta, 07/3). Eu duvido que Curitiba tenha ficado tão atrás assim. Mesmo porque nos adiantamos muito em décadas passadas, agora temos menos obras a fazer comparada com outras cidades.

José Hess

Tarifa de ônibus

Comovente e lamentável a justificativa da Urbs para o aumento das tarifas do transportes coletivos de Curitiba. Sugiro que se faça uma montagem comparativa dos mapas das 13 cidades que têm preços maiores que o da capital do Paraná. Isso pode ajudar a entender o custo do transporte e o absurdo aumento.

Luiz Herlain

Táxis em Curitiba

Quanto a precisar de mais táxis na capital, quem pode definir isso é a prefeitura, pois ela deve saber qual a demanda, deve ter estudos e comparativos para a decisão final. Não cabe a uma associação, a um vereador ou à população definir algo de forma subjetiva, pois exis­­­tem secretarias, autarquias, capaci­­­tadas tecnicamente para uma decisão tão importante quanto essa.

Márcio Mafra, consultor financeiro

Bicicletas

A movimentação de bicicletas em Curtiba existe, porém os ciclistas não são devidamente respeitados pelos órgãos públicos, já que as vias e sinalizações que existem para as bicicletas não são adequadas. Em alguns locais como parques e regiões centrais até existem ciclovias e sinalizações, mas a maioria está em péssimas condições.

Alexandre Marcelino dos Santos

Carro na oficina

Já tive experiência de demora em retirar meu veículo de oficinas, na maioria das vezes por má vontade dos mecânicos. Agora tenho um carro "importado" com montadora e peças no Brasil, mas a mão de obra e o preço das peças são altíssimos. Até parece que estamos importando diretamente da França. Deveriam rever valores porque é muito caro.

Airton Kraismann

Dia da mulher

A mulher começou a reagir, não aceitando mais tanta submissão, ergueu a cabeça, bateu os pés e a enfrentou, sendo seguida por milhares delas. Elas então conseguindo e conquistando seu espaço. Há ainda muita coisa a ser feita e só irão sossegar quando todas forem igualadas.

Odete Orzenn

* * *

As mensagens devem ser enviadas à Redação com identificação do autor, endereço e telefone.

Em razão de espaço ou compreensão, os textos podem ser resumidos ou editados.

O jornal se reserva, ainda, o direito de publicar ou não as colaborações.

Rua Pedro Ivo, 459 - Centro • Curitiba, PR - CEP 80010-020 •

Tel.: (41) 3321-5000 - Fax: (41) 3321-5472.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]