Obra na captação do Rio Iguaçu deixa bairros de Curitiba e região sem água
ETA do Iguaçu provê água tratada para mais de um milhão de habitantes em Curitiba e RMC| Foto: Arquivo / Sanepar

A obra de interligação da nova adutora de captação do Rio Iguaçu, que será realizada pela Sanepar nesta semana, causará interrupção no fornecimento de água em bairros de Curitiba, Colombo, Piraquara e São José dos Pinhais.

Os serviços serão realizados na terça (6) e na quarta-feira (7) e vão afetar ruas e regiões diferentes em cada dia. Para compensar o inconveniente, a Sanepar vai suspender o rodízio nessas regiões do dia 3 até o dia 10 de abril.

Bairros afetados pela parada na terça-feira (dia 6, às 6h)) com normalização na quarta-feira (dia 7, às 18h):

Curitiba: Cajuru, Guabirotuba, Jardim das Américas, Uberaba, Água Verde, Boqueirão, Capão Raso, CIC, Fanny, Fazendinha, Guaíra, Hauer, Lindoia, Novo Mundo, Pinheirinho, Portão, Santa Quitéria, Seminário, Vila Izabel, Xaxim, Pinheirinho, Sítio Cercado, Tatuquara, Prado Velho, Rebouças,  Abranches, Bigorrilho, Bom Retiro, Mercês, Pilarzinho, São Francisco, São Lourenço, Vista Alegre, Cascatinha, São João,  Bigorrilho, Campina do Siqueira, Batel, Centro, Cachoeira, Barrerinha e Santa Cândida.

Bairros afetados pela parada na quarta-feira (dia 7, às 6h) com normalização na quinta-feira (dia 8, às 18h):

Curitiba: Uberaba, Cajuru, Boqueirão, Hauer, Guabirotuba,  Alto Boqueirão, Ganchinho, Pinheirinho, Sítio Cercado, Xaxim, Ahú, Atuba, Bacacheri, Barrerinha, Boa Vista, Cabral, Centro Cívico, Santa Cândida, São Lourenço, Tingui, Juvevê e Atuba.

Colombo:  Atuba, Guarani, Rio Pequeno, Rio Verde, Campo Pequeno, Alto da Cruz, Mauá, Guaraituba, Palmital, Vila Zumbi, Maracanã, Monza e São Gabriel.

Piraquara: Jardim Tarumã, Vila Lori, Jardim Das Orquídeas, Jardim Tocantins, Jardim Urussanga, Jardim Santa Clara, Vila Mariana, Planta Monte Líbano, Vila Holandesa, Planta Amazonas, Planta Terezinha, Jardim Trianon, Jardim Santa Helena, Bosque Pinheiro e Fazenda Guarituba e Jardim dos Estados.

São José dos Pinhais: Cidade jardim, Guatupê, Ipê, Academia e Cristal.

A obra desta semana é uma das etapas de substituição de uma das adutoras que levam água da captação até a Estação de Tratamento de Água (ETA) Iguaçu, a maior do Paraná, com capacidade de produção de 3.600 litros de água por segundo. Atualmente, o recalque é feito por duas adutoras de 1,5 quilômetro de extensão. Iniciada em 2020, a troca completa da tubulação exigiu investimento de R$ 6,2 milhões e deverá terminar daqui a seis meses.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]