i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Governismo

De Dilma a Bolsonaro, Baleia e Lira têm postura histórica de proximidade com o governo

  • Brasília
  • 21/01/2021 20:36
arthur lira - baleia rossi - voto impresso
Arthur Lira e Baleia Rossi: candidatos sinalizam disposição em permitir que a PEC do voto impresso tramite na Câmara.| Foto: Agência Câmara

A relação com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) se tornou mais um elemento para a troca de farpas entre os dois favoritos à presidência da Câmara, Baleia Rossi (MDB-SP) e Arthur Lira (PP-AL).

O alagoano é o candidato "oficial" do Palácio do Planalto, algo que Bolsonaro reforçou em diferentes ocasiões, como quando cobrou o voto da bancada ruralista. Mas Lira tenta compartilhar o rótulo com Rossi: diz que o adversário é "tão da base" quanto ele. O emedebista buscou se distanciar do governo para garantir o apoio de partidos da oposição. PT, PSB, PCdoB, PDT e Rede integram o bloco de sua candidatura.

O vínculo – ou não – com o governo Bolsonaro é um ponto que pode diferenciar Rossi e Lira em uma disputa que se mostra com altos graus de competitividade. Mas os adversários do pleito de 2021 estiveram do mesmo lado, ou ao menos adotaram postura semelhante, em relação às gestões presidenciais que antecederam a de Bolsonaro.

Tanto Lira quanto Rossi apoiaram o mandato de Dilma Rousseff (PT), foram favoráveis ao impeachment da petista e deram sustentação a Michel Temer (MDB). E mesmo em relação a Bolsonaro há mais semelhanças do que diferenças: ambos manifestaram em relação ao presidente da República, ao longo dos primeiros meses de mandato, a conduta de "votar o que for bom para o Brasil", independentemente de integrarem ou não, de modo formal, a base aliada.

O posicionamento se traduz em votos. Segundo levantamento do site Congresso em Foco, Baleia esteve ao lado do governo em 90% das votações nominais da Câmara, enquanto para Lira o índice de apoio foi de 88%. Lira e Rossi são também os líderes de seus partidos na Câmara.

Esplanada e liderança

Entre os ministros de seu primeiro mandato, Dilma contou com Aguinaldo Ribeiro nas cidades, entre 2012 e 2014, e Wagner Rossi, na Agricultura, que já chefiava a pasta ao fim do governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e permaneceu na função até agosto de 2011. A trajetória de ambos se conecta com as de Rossi e Lira.

Wagner é pai de Baleia. Ele foi deputado federal na década de 1990 e ocupou um ministério pela única vez durante as gestões petistas. A presença de Wagner na Esplanada foi um dos fatores que posicionou Baleia ao lado do PT nas campanhas presidenciais de 2010 e 2014, quando Dilma teve como vice Michel Temer, correligionário de Baleia.

O candidato à presidência da Câmara chegou a ser uma das peças-chave para garantir o apoio do então PMDB à chapa de Dilma em 2014. Na ocasião, a petista já vinha de uma gestão contestada e parte dos peemedebistas preferia que a sigla endossasse a candidatura de Aécio Neves. Já presidente do PMDB paulista, função que exerce até hoje, Baleia garantiu o apoio do diretório à petista, o que puxou a adesão de outras bancadas estaduais.

A relação de Arthur Lira com o ministério de Dilma Rousseff é mais indireta, mas colabora para compreender o poder do deputado do PP no Congresso.

Quando Aguinaldo Ribeiro foi convidado para ser ministro das Cidades, em fevereiro de 2012, ele era o líder do PP na Câmara. Ao se licenciar do cargo, abriu espaço para que a liderança ficasse com Lira, então deputado de primeiro mandato. Ele exerceu a função até agosto de 2013 e depois retomou o cargo em 2017, no qual está até hoje.

Lira defendeu Cunha; Baleia foi citado como articulador do impeachment

Os dois adversários estiveram do mesmo lado, mas depois se distanciaram. Isso também vale para a relação que mantiveram com o controverso ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (MDB-RJ), que presidiu a casa entre 2015 e 2016 e comandou a sessão do impeachment de Dilma Rousseff.

Cunha se tornou presidente da Câmara em uma votação na qual superou, entre outros candidatos, Arlindo Chinaglia (PT-SP). O petista era o nome favorito do Palácio do Planalto e sua derrota ocorreu por conta de uma articulação que envolveu vários partidos – entre eles, o PP de Lira.

A "recompensa" ao PP pelo apoio foi a concessão, ao partido, da presidência da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ), a mais importante da casa. Que ficou justamente com Lira.

O deputado comandou o colegiado em 2015 e no cargo tomou decisões que desagradaram o PT e o governo, como permitir a tramitação de um projeto que determinava a redução da maioridade penal e uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que limitava o número de ministérios. À época, o governo Dilma tinha 38 pastas, algo bastante contestado pelos partidos de oposição.

As acusações de corrupção levaram Eduardo Cunha a sofrer processo de impeachment e, na reta final de sua passagem pela Câmara, o ex-presidente teve pouco apoio dos colegas. Um deles veio de Lira, que votou contra a sua cassação. Já Rossi, mesmo sendo colega do partido de Cunha, deu seu voto pelo afastamento.

Antes da queda de Cunha, porém, a Câmara aprovou o impeachment de Dilma Rouseff. E neste processo, Lira e Rossi estiveram do mesmo lado, votando pelo afastamento da petista. Baleia chegou a ser citado como um dos principais articuladores pela deposição de Dilma, condição que ele negou.

Apoio a Temer e pé firme no Centro

Lira e Rossi voltaram a ser governo durante a passagem de Michel Temer pela Presidência da República. O emedebista até chegou a ver seu nome especulado para ocupar um ministério, algo que acabou não se efetivando.

Ambos tiveram peso na decisão da Câmara de não autorizar a investigação de Temer pela Procuradoria-Geral da República, após a delação premiada dos executivos da JBS, que prejudicou o então chefe do Executivo.

Os candidatos a presidente da Câmara também se manifestaram em defesa da reforma da previdência proposta por Temer, projeto que ocupou grande parte dos debates econômicos mas não foi a votação.

No início do governo Bolsonaro, PP e MDB formaram, junto com outros partidos, um bloco parlamentar na Câmara. O agrupamento foi interpretado como uma materialização do chamado Centrão, nome dado ao conjunto de deputados que não tem vinculação ideológica mas apoia os governos de ocasião em troca de benefícios. O MDB só deixou o bloco em julho do ano passado.

Embora o título Centrão não seja muito bem-visto pelos parlamentares, o posicionamento como políticos de centro é algo cada vez mais enfatizado por Lira e Rossi.

No lançamento de sua candidatura, Lira disse considerar o centro "a força moderadora que evita os extremos" e reforçou que "os partidos de centro sempre estiveram à disposição do Brasil". Já Rossi, em postagem recente nas redes sociais, disse ser um político de centro, ao contrário do pai, que "sempre enxergou a política pela esquerda".

24 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 24 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.

  • M

    Marcus Pinheiro Machado

    ± 0 minutos

    a cara-de -pau desses bolsonaristas inesplicavel.So´se esrão defendendo suas "boquinhas"

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • M

      Marcus Pinheiro Machado

      ± 2 minutos

      A CARA-DE-PAU DESSES BOLSONARISTAS É INIMAGINAVEL.SE NÃO ESTÁO DEFENDENDO SUAS "BOQUINHAS"não dá para explicar

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • M

        Marcus Pinheiro Machado

        ± 4 minutos

        SEMPRE OS MESMOS!

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

        • A

          Antonio Carlos Neves

          ± 5 horas

          Para concluir seu governo com necessárias reformas aprovadas Bolsonaro só conseguira com Lira. Penso que Baleia esta dirigido por Maia e portanto vai sentar sobre as reformas para destruir a imagem do governo. Lamentável entretanto é ver meu ex partido PSDB ressuscitando múmias como FHC para condenar Bolsonaro, aliando-se aos que no passado disseram ter recebido uma herança maldita. Nossa Câmara neste momento tem que apoiar o país e disputar nossos votos, que deverão ser IMPRESSOS, única forma de AUDITAR evitando fraudes. Voto impresso, é o voto eletrônico que IMPRIME um bilhete blindado, automaticamente enviado a urna lacrada. Quem teme o IMPRESSO, se pode ser útil para qualquer partido?

          Denunciar abuso

          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

          Qual é o problema nesse comentário?

          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

          Confira os Termos de Uso

          • D

            Dilbert

            ± 5 horas

            Sensacional ver bolsonaristas defendendo Arthur Lira como “íntegro” e capaz de levar adiante pautas modernizantes por puro “patriotismo”. E o general gagá que difamava o Centrão agora janta caviar com os novos amigos nas noites de Brasília. E ainda tem quem, mesmo com o patrimônio milionário sem origem (e depósitos de dinheiro vindo de milicianos), ache que os Bolsonaro$$$ são honestos. Cada fanático com sua seita, mas lulistas e bolsonaristas são todos iguais na corrupção

            Denunciar abuso

            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

            Qual é o problema nesse comentário?

            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

            Confira os Termos de Uso

            • C

              Celso Arruda Salomé

              ± 6 horas

              Apostando em Lira, para o bem do nosso presidente e do Brasil.

              Denunciar abuso

              A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

              Qual é o problema nesse comentário?

              Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

              Confira os Termos de Uso

              2 Respostas
              • F

                Freitas

                ± 5 horas

                Veja aí, você que é auditor fiscal de SC >>> “Arthur Lira, o candidato de Bolsonaro, visitou o prédio a partir do qual o notório doleiro Alberto Youssef despachava em São Paulo, no auge do petrolão, relembra a Crusoé desta semana. Ao se registrar na recepção do edifício, omitiu seu sobrenome mais famoso. No sistema, ficou apenas como “Arthur Cesar Pereira”. Lira esteve no escritório de Youssef quatro vezes.”

                Denunciar abuso

                A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                Qual é o problema nesse comentário?

                Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                Confira os Termos de Uso

              • F

                Freitas

                ± 5 horas

                Celso Arruda Salomé, você como auditor fiscal da Receita de Santa Catarina, apoiando um corrupto? Um rei das rachadinhas? A propósito, você trabalha em que horário? Está em férias, licença, pois passa o dia todo aqui? Eu sou autônomo e não estou sugando impostos de ninguém.

                Denunciar abuso

                A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                Qual é o problema nesse comentário?

                Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                Confira os Termos de Uso

            • F

              Freitas

              ± 6 horas

              “Arthur Lira, o candidato de Bolsonaro, visitou o prédio a partir do qual o notório doleiro Alberto Youssef despachava em São Paulo, no auge do petrolão, relembra a Crusoé desta semana. Ao se registrar na recepção do edifício, omitiu seu sobrenome mais famoso. No sistema, ficou apenas como “Arthur Cesar Pereira”. Lira esteve no escritório de Youssef quatro vezes.” <<<

              Denunciar abuso

              A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

              Qual é o problema nesse comentário?

              Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

              Confira os Termos de Uso

              • J

                Jorge Luis Romano

                ± 6 horas

                Por que se coloca uma votação nessa página e o leitor só pode votar se aceitar receber e-mails promocionais do site? Se não quer receber e-mails não pode participar? isso é forçar a barra...

                Denunciar abuso

                A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                Qual é o problema nesse comentário?

                Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                Confira os Termos de Uso

                • F

                  Freitas

                  ± 7 horas

                  “Empresário do setor de transporte rodoviário, Pacheco fez acordo com o governo para conseguir aprovar um projeto de lei que fecha o mercado de ônibus, elimina pequenas e médias empresas do segmento, reduz em três vezes o valor máximo das multas aplicadas, cancela a concessão de todos os seus novos concorrentes e, pasmem, anula sumariamente todas as sanções aplicadas até hoje pela ANTT, a Agência Nacional de Transportes Terrestres. Trata-se de um mimo de pelo menos 2 bilhões de reais para o setor. No pacote do acordão com o Planalto, há outras obscenidades. O senador indicou um assessor do próprio gabinete para dirigir a agência que fiscaliza as suas empresas. O escolhido de Pacheco ..."

                  Denunciar abuso

                  A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                  Qual é o problema nesse comentário?

                  Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                  Confira os Termos de Uso

                  • S

                    Spartacus

                    ± 7 horas

                    Palhaçada dos diabos essas discussões. Esse congresso vdd **** tem de ser fechado. Despesa monstro. Ninguém trabalha nem pensa no Brasil

                    Denunciar abuso

                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                    Qual é o problema nesse comentário?

                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                    Confira os Termos de Uso

                    • W

                      Walter

                      ± 8 horas

                      Qualquer um que seja, tem de ser a favor do Brasil...

                      Denunciar abuso

                      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                      Qual é o problema nesse comentário?

                      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                      Confira os Termos de Uso

                      2 Respostas
                      • W

                        Walter

                        ± 3 horas

                        Freitas: Baleia, aliado de Maia, que se juntou com a petralhada... grande opção!

                        Denunciar abuso

                        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                        Qual é o problema nesse comentário?

                        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                        Confira os Termos de Uso

                      • F

                        Freitas

                        ± 6 horas

                        “Arthur Lira, o candidato de Bolsonaro, visitou o prédio a partir do qual o notório doleiro Alberto Youssef despachava em São Paulo, no auge do petrolão, relembra a Crusoé desta semana. Ao se registrar na recepção do edifício, omitiu seu sobrenome mais famoso. No sistema, ficou apenas como “Arthur Cesar Pereira”. Lira esteve no escritório de Youssef quatro vezes.” <<<<<<<

                        Denunciar abuso

                        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                        Qual é o problema nesse comentário?

                        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                        Confira os Termos de Uso

                    • B

                      Bruno Santos Teles

                      ± 8 horas

                      o centrão sempre mamou, não importa de onde sai o leite

                      Denunciar abuso

                      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                      Qual é o problema nesse comentário?

                      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                      Confira os Termos de Uso

                      • H

                        Hélio

                        ± 9 horas

                        Parece mentira que faltam apenas alguns dias para nos livramos desse mequetrefe chamado Nhônho !

                        Denunciar abuso

                        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                        Qual é o problema nesse comentário?

                        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                        Confira os Termos de Uso

                        • H

                          Hélio

                          ± 9 horas

                          Marcel Van Hattem é disparado, o melhor de todos eles, mas infelizmente não tem votos.

                          Denunciar abuso

                          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                          Qual é o problema nesse comentário?

                          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                          Confira os Termos de Uso

                          1 Respostas
                          • R

                            Ricardo

                            ± 9 horas

                            Exato; realmente uma pena.

                            Denunciar abuso

                            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                            Qual é o problema nesse comentário?

                            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                            Confira os Termos de Uso

                        • F

                          Freitas

                          ± 18 horas

                          Esse pessoal sente o cheiro de "carniça". Se as pesquisas eleitorais indicarem queda substancial do PR, eles caem foram e ajudam na abertura de impeachment.

                          Denunciar abuso

                          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                          Qual é o problema nesse comentário?

                          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                          Confira os Termos de Uso

                          • R

                            Rodnei

                            ± 18 horas

                            A Gazeta parece estar sendo pró-esquerda. Não estou gostando de ver tantas críticas ao atual governo.

                            Denunciar abuso

                            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                            Qual é o problema nesse comentário?

                            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                            Confira os Termos de Uso

                            3 Respostas
                            • F

                              Freitas

                              ± 7 horas

                              Ricardo >>>> “Empresário do setor de transporte rodoviário, Pacheco fez acordo com o governo para conseguir aprovar um projeto de lei que fecha o mercado de ônibus, elimina pequenas e médias empresas do segmento, reduz em três vezes o valor máximo das multas aplicadas, cancela a concessão de todos os seus novos concorrentes e, pasmem, anula sumariamente todas as sanções aplicadas até hoje pela ANTT, a Agência Nacional de Transportes Terrestres. Trata-se de um mimo de pelo menos 2 bilhões de reais para o setor. No pacote do acordão com o Planalto, há outras obscenidades. O senador indicou um assessor do próprio gabinete para dirigir a agência que fiscaliza as suas empresas. O escolhido ..."

                              Denunciar abuso

                              A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                              Qual é o problema nesse comentário?

                              Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                              Confira os Termos de Uso

                            • R

                              Ricardo

                              ± 9 horas

                              Quais "besteiras", esquerdista?

                              Denunciar abuso

                              A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                              Qual é o problema nesse comentário?

                              Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                              Confira os Termos de Uso

                            • S

                              Sartan

                              ± 16 horas

                              Jura que você não gostou? Mas quando é contra os inimigos está tudo liberado ? Seu mito só faz besteira e o que você quer é somente flores no caminho dele?

                              Denunciar abuso

                              A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                              Qual é o problema nesse comentário?

                              Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                              Confira os Termos de Uso

                          Fim dos comentários.